Prefeito de Manaus presta homenagem ao ministro Alexandre Padilha

Manaus – Pelo bom relacionamento que vem tendo com a Prefeitura de Manaus, construindo uma grande parceria com o município, o prefeito Arthur Neto prestou ontem a noite uma homenagem ao ministro da Saúde, Alexandre Padilha, em solenidade realizada no centro Cultural Palácio Rio Branco, no centro histórico de Manaus.

Durante a solenidade, o ministro recebeu uma placa pelos serviços prestados à cidade e o prefeito agradeceu os recursos liberados pelo Governo Federal para serem investidos na infraestrutura das unidades de saúde em Manaus.

“Sabemos que a saúde tem problemas, mas tem solução”, disse Evandro Melo, titular da Secretaria Municipal de Saúde. “Atualmente, 37% da população depende do Sistema Único de Saúde. Com a ajuda que receberemos do governo, vamos recuperar 45 unidades básicas”.

Com a homenagem, o ministro disse se sentir obrigado a realizar mais ações que visam a melhoria da saúde em Manaus e no Estado.

“Vamos fazer mais ações como o Programa Mais Médicos, que foi construído a partir das necessidades do interior do Amazonas. Nossos investimentos pretendem melhorar mais de 250 unidades de saúde no Amazonas”, afirmou Padilha.

Mais médicos

Com relação ao Programa Mais Médicos com o qual o Governo Federal pretende suprir o interior brasileiro, especialmente os municípios mais afastados de médicos e isso melhorar o sistema de saúde, Padilha informou que o Amazonas será um dos estados brasileiros a receber o maior número de médicos trazidos por meio do programa mais médicos.

“Os médicos do Amazonas terão até o dia 25 de julho para se inscreverem no programa. No mesmo dia, veremos quantas vagas serão direcionadas para o Estado”, detalhou.

No local, um pequeno grupo de médicos e estudantes de Medicina se reuniram para protestar por mais investimentos federais para a saúde do Estado.

Sobre a manifestação que ocorreu momentos antes da entrega da placa em homenagem, Padilha disse que respeita os movimentos, mas que a democracia deve estar acima de tudo. “As reuniões com os médicos continuarão. Porém, não podemos por os interesses de uma categoria só acima do interesse”, comentou.

Durante o evento e próximo ao Centro Cultural, um grupo de médicos se reuniu para protestar contra o programa. A manifestação foi pacífica e não tirou o brilho da homenagem prestada pelo prefeito Arthur Neto ao ministro Alexandre Padilha.

(Amazonianarede) 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.