Palestra sobre tabagismo conscientiza servidores da Semmas

(Amazonianarede – Semcom)

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) recebeu na manhã desta quinta-feira, 12, a equipe do Programa de Combate ao Tabagismo da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) para uma palestra de sensibilização dos servidores sobre as formas de prevenção e tratamento ao Tabagismo, uma doença que para muitos é vista apenas como um vício.

A palestra foi organizada pela Comissão da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P) da Semmas, que realiza constantemente campanhas de conscientização e sensibilização visando a melhoria das condições de trabalho e redução dos gastos com energia, água e telefone, reaproveitamento de resíduos sólidos e, agora, combate ao tabagismo.

A psicóloga Karina Rafaela Silva Salazar, que atua no Ambulatório do Fumante, da Policlínica Castelo Branco, foi responsável pela palestra.

Segundo ela, é de suma importância para a saúde abrir mão do hábito de fumar. O cigarro contém mais de 4.700

substâncias, entre elas amônia, acetona, ácido acético, alcatrão e formol, que ocasionam distúrbios mentais e comportamentais, síndrome de dependência e estado de abstinência nicotínica.

“A dependência da nicotina gera um comportamento compulsivo por drogas e também uma necessidade tanto física como mental. O cigarro acaba gerando dependência afetiva no alívio do estresse e na ausência de diminuição da droga, podendo surgir reações físicas como ansiedade, distúrbio de sono e depressão com convulsão”, explicou.

De acordo com a psicóloga, os aspectos que ajudam a identificar um fumante são a dependência, a compulsão de consumir a substância e a tolerância, o que acarreta em necessidades maiores de doses para alcançar o efeito inicial e na adição tabágica que gera uma combinação de fatores ambientais ou históricos do próprio indivíduo.

Ou seja, se na família do fumante existem parentes que fumam, há o risco de ele ser um fumante crônico, devido sua carga genética. Karina Silva observou ainda que fumante não precisa de acusadores e sim do apoio da família, fundamental para que ele pare de fumar. No Brasil, entre 1/4 e 1/6 da população brasileira, a partir de 15 anos, é fumante.

A comissão da A3P da Semmas vem realizando diversas campanhas internas visando otimizar a qualidade de vida dos servidores e também a economia no uso dos recursos da secretaria. Algumas delas são a campanha “Adote uma caneca”, “Doação de Pet” (para a confecção de lixeiras pela Divisão de Educação Ambiental), “Redução do consumo de energia” e “Uso racional dos equipamentos de informática”. A equipe foi recebida pela diretora Administrativo Financeira da Semmas, Luzinete Peixoto, juntamente com Elizabeth Lopes, gerente de Capacitação e Assistência ao Servidor.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.