PA: Comandante de navio naufragado é detido

Belém – O comandante e proprietário do navio “Iate Leão do Norte”, Luiz Acácio da Silva Lima, de 42 anos, que naufragou a embarcação na madrugada desta sexta-feira (19) próximo ao município de Cachoeira do Arari, no Marajó, foi preso em flagrante, acusado de homicídio doloso eventual, quando há intenção de matar.

O delegado Luciano Guimarães, da delegacia do município, informou que a decisão foi tomada por que ele assumiu o risco de matar. “Ele prestou depoimento na delegacia e confessou que o barco estava superlotado, com cerca de 60 passageiros, quando a capacidade máxima era de 25. Além disso, ele não possuía habilitação.

Ele foi autuado em flagrante e está retido na delegacia”.

Ele ficará retido na delegacia até que acabe o depoimento das testemunhas. Depois, será decidido se ele será encaminhado para o sistema carcerário.

O navio partiu da Vila do Arapixi, no município de Chaves, também no Marajó na noite de quinta-feira (18). A embarcação naufragou a 500 metros do trapiche de Cachoeira do Arari. Quando a embarcação começou a afundar, muitos passageiros estavam dormindo no porão, o que teria dificultado a saída dos passageiros.

Até o momento, 13 mortes foram confirmadas, incluindo quatro crianças, e 46 pessoas foram resgatadas com vida.

(Gustavo Dutra/DOL)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.