Onda Artur Neto ganha Manaus

Às vésperas da eleição para a Prefeitura de Manaus, que deve ser histórica segundo estimativas dos institutos de pesquisa, o candidato Artur Neto realizou uma caminhada que arrastou uma multidão pelas ruas do centro de Manaus, cantando os jingles da campanha e dançando nas vias, calçadas e lojas. A caminhada começou na Praça do Relógio Municipal e seguiu pela avenida Floriano Peixoto, terminando na Praça da Polícia, em frente ao Colégio Estadual. Pelo caminho, os vendedores ambulantes e camelôs exibiam apoio a Artur com cartazes e bandeiras do candidato em suas barracas e lanches.

Quem foi ao centro para fazer compras, acabou se empolgando com o clima de festa democrática e engrossou as fileiras já preenchidas pelos militantes, correligionários, amigos, apoiadores, movimento das Mulheres de Manaus e Juventude com Artur. Apesar da multidão, não houve grandes transtornos ao trânsito, já que um lado da pista estava sempre liberado para o fluxo de veículos.

Emocionado, o candidato a vice-prefeito, Hissa Abrahão, definiu a mobilização como um “carnaval eleitoral”, pela quantidade de gente que tomou as ruas cantando e dançando. Hissa avaliou a formação da “onda Artur” como resultado das propostas apresentadas ao longo da campanha e da composição da chapa que une “experiência e modernidade”. Participaram da caminhada todos os ex-candidatos que se alinharam a Artur neste segundo turno.
“Quem ganha é o povo de Manaus. Não o Hissa e eu, mas o povo! O que interessa não é ter uma eleição histórica, mas, sim, fazer um governo em Manaus que vai entrar para a história”, avaliou emocionado, Artur, enquanto era empurrado, abraçado, beijado e abordado por centenas de pessoas.

O ex-candidato Serafim Corrêa, na linha de frente da caminhada analisou que a “onda Artur” tomou conta da cidade como resposta à perda da vaga no Senado, em 2010, e ao fato de Artur constituir a esperança e a competência que o povo quer.

“O coração dos manauaras pede socorro para a cidade abandonada e Artur representa a capacidade de mudar esse quadro”, comentou Henrique Oliveira. Já Pauderney Avelino anunciou que Artur vai ter uma votação histórica pela participação espontânea do povo que vê nele a renovação política.

A caminhada foi encerrada depois de duas horas entre concentração e percurso. Ao longo do dia, Artur ainda cumpriu outros compromissos de agenda, com representantes de segmentos sociais e econômicos.

(Texto: Alita Menezes e Francine Tapajós
Foto: Alexandre Fonseca e Márcio Melo)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.