Omar defende mais facilidade na liberação de visto para o país junto ao embaixador dos EUA

Amazonianarede – Agecom

Manaus – O governador do Amazonas, Omar Aziz, recebeu na manhã desta quinta-feira (22), no Palácio Rio Negro (avenida 7 de Setembro, Centro), o embaixador dos Estados Unidos, Thomas Shannon, e defendeu maior facilidade na liberação do visto para a entrada de brasileiros no país. “Temos uma economia mais fortalecida e estabilizada, com inflação pequena e moeda forte. O brasileiro tem mais oportunidade aqui do que teria, eventualmente, nos Estados Unidos. Mas ainda há muita demora na obtenção do visto”, argumentou.

Para o governador, o visto se torna desnecessário ante a importância dos brasileiros para a economia americana, conquistada na última década. Em 2012, o turista de nacionalidade brasileira foi o terceiro que mais gastou dinheiro nos Estados Unidos, atrás apenas de japoneses e britânicos. “Eu mesmo passei vinte dias para conseguir visto, mesmo sendo governador do Estado, imagina um cidadão comum. Toda vez passo constrangimento pelo meu sobrenome. É árabe e geralmente os árabes tem uma fiscalização maior. Não teve nenhuma vez que eu não tenha ido (ao chegar aos EUA) para uma sala onde me fazem perguntas”, comentou.

A pesquisa do Departamento de Comércio americano apontou que nas viagens aos Estados Unidos os brasileiros gastam, em média, US$ 5,980 dólares, o que significa um aumento de mais de 250% em relação a 2003. “O próprio presidente Obama já colocou em uma declaração que a economia brasileira tem sustentado a Disney.

Geralmente, uma pessoa quando vai daqui não vai com menos de quatro mil dólares e esse dinheiro fica todo lá”, endossou o governador.

Ano passado, os consulados americanos no Brasil emitiram mais de 11 milhões de vistos. Segundo o embaixador Thomas Shannon, o interesse do País é facilitar a entrada dos brasileiros com a dispensa do visto, mas o processo deve levar tempo. Em julho, os governos brasileiro e americano assinaram um documento para analisar a possibilidade e um grupo de trabalho foi criado para tratar do assunto. A primeira reunião está prevista para ocorrer este mês, em Washington.

“Estamos trabalhando com os nossos consulados para facilitar o processo de visto, de entrevista. Eventualmente, vai chegar a um ponto em que brasileiros e americanos não vão precisar de visto para viajar. Estamos negociando com o Governo do Brasil para ver se temos a capacidade de começar um processo recíproco de exceção de vistos, mas isso vai levar tempo”, afirmou Shannon.

Oportunidades econômicas

Durante a conversa com o embaixador, Omar Aziz também abordou as relações econômicas entre os países e defendeu maior integração na busca por oportunidades de negócios e na resolução de problemas em comum. “É importante essa interlocução. O embaixador se colocou a disposição da gente em uma eventual necessidade do Amazonas e isso é positivo para nossa região”, frisou o governador, que convidou o embaixador americano para assistir ao Festival Folclórico de Parintins, em 2013, quando será inaugurado o novo bumbódromo em construção pelo governo estadual.

De acordo com Thomas Shannon, o Amazonas apresenta muitas oportunidades na área econômica para investimentos e a Zona Franca de Manaus é “inovadora e interessante para a economia americana”. Essa é a primeira visita do embaixador ao Estado. “Já há várias companhias aproveitando essa oportunidade para vender dentro do Brasil e do Amazonas. E tem outras companhias com muito interesse nessa área aqui em Manaus”, disse o embaixador.

As empresas de capital estadunidense figuram na segunda posição entre os investimentos no Polo Industrial de Manaus. Segundo números da Secretaria de Estado de Planejamento, 42 empresas americanas estão instaladas no Estado com os incentivos fiscais da Zona Franca. Os EUA são o segundo principal destino das exportações amazonenses. Produtos industrializados como telefones, lâminas, aparelhos de barbear, motocicletas e produtos naturais como a castanha e o óleo essencial de pau-rosa são os destaques na pauta de exportação.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.