Na Cachoeira Alta, prefeito diz que revitalização do Tarumã é compromisso de sua gestão

Manaus – O prefeito Arthur Virgílio Neto visitou na manhã deste sábado, 4, um trecho do Corredor Ecológico da Cachoeira Alta do Tarumã, onde a Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), estuda a possibilidade de criação de um parque que incorpore parte da área, de aproximadamente 499 mil metros quadrados, no total, onde está situado o corredor, que integra a Área de Proteção Ambiental (APA) do Tarumã, zona Oeste.

O parque englobaria a Cachoeira Alta e trechos de terrenos situados no entorno, onde seria possível instalar ciclofaixas, pista de caminhada, quiosques, mirantes, área para campings, entre outros equipamentos públicos.

O prefeito Arthur Neto garantiu que a revitalização do espaço é uma determinação política de sua gestão. “Devolveremos às pessoas a Cachoeira Alta do Tarumã, enfrentando todos os numerosos obstáculos que teremos pela frente, com a certeza de que estamos lutando pelo que é nosso”, afirmou Arthur Neto.

O prefeito lamentou os anos de esquecimento que levaram ao atual estado do local. “A situação hoje está bem pior do que há 20 anos, quando o problema nessa área era a extração mineral irregular que impactou a área.

Agora, vemos que andamos para trás com o impacto dos efluentes sobre a qualidade da água, onde na minha juventude tomei banho com a minha família”, lembrou o prefeito.

O projeto de revitalização da área tem, de acordo com a secretária de Meio Ambiente, Kátia Schwieckardt, três desafios básicos a serem vencidos: a recomposição das matas ciliares, a identificação do volume de efluentes lançados no igarapé para a descontaminação da água e as desapropriações que serão necessárias. “Precisamos envolver toda a população nesse desafio para que todos, inclusive proprietários de terrenos nessa área, se sintam responsáveis por esse manancial, cuja revitalização deve ser um sonho coletivo”, afirmou Kátia Schweickardt.

O igarapé da Cachoeira Alta nasce nas imediações da Torquato Tapajós e deságua no Rio Tarumã. Tem cerca de 3,5 quilômetros de extensão e uma queda d’água de aproximadamente 16 metros de altura no percurso.

O prefeito, acompanhado da primeira-dama Goreth Garcia e da secretária Kátia Schweickardt, percorreram a área da antiga mineração e, depois, desceram até a área onde é possível visualizar a Cachoeira Alta, com toda a sua imponência.

“O local tem um enorme potencial para se tornar um parque urbano por estar numa zona privilegiada, mas é preciso que seja realizado primeiro um estudo aprofundado da situação fundiária da área e um levantamento detalhado dos contribuintes do igarapé para a elaboração de um projeto executivo que permita buscarmos o apoio de agentes financiadores”, afirmou Kátia Schweickardt.

A visita foi acompanhada também pelo presidente da Manaus Ambiental, Alexandre Bianchini, que se comprometeu a realizar os estudos necessários para a redução do impacto do lançamento de efluentes no curso d`’agua. Hoje, o igarapé recebe efluentes de áreas de ocupação consolidadas situadas acima, como o Parque Riachuelo, Parque São Pedro e Campos Sales.

A secretária Kátia Schweickardt lembrou também a importância da parceria com o segmento imobiliário, tendo em vista que a área do Tarumã é alvo de especulação imobiliária mas deve ser vista com outros olhos em função de sua condição de área de proteção ambiental.

“Os empreendimentos imobiliários não podem ser vistos como uma ameaça ao patrimônio natural da Cachoeira. Chamaremos as incorporadoras para atuarmos em parceria no projeto de criação do parque e temos certeza de que para eles será também uma excelente oportunidade”, afirmou. A secretária disse acreditar que até o final deste ano o projeto esteja elaborado para começar a ser executado. “Nossa intenção é de que até a Copa tenhamos a área revitalizada e o parque implantado”, afirmou.

Foto: Tácio Melo / Semcom

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.