Governo do Amazonas amplia acesso à Internet na rede estadual de ensino

Amazonianarede – Agecom

Manaus – Com o objetivo de eliminar os problemas de falta de conexão à internet, escolas da rede pública estadual da capital e de mais 25 municípios do Amazonas estão recebendo 2.118 modens com tecnologia 3G, totalizando um investimento de R$ 760,2 mil. A ampliação do acesso à internet na rede de ensino é uma determinação do governador Omar Aziz.

O titular da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), Rossieli Soares da Silva, ressalta que os aparelhos servirão, principalmente, para assegurar os serviços administrativos das escolas executados pelas secretarias, como atualização do Sistema Integrado de Gestão Educacional (Sigeam), lançamento de notas e consultas a sites institucionais.

Em Manaus, todas as escolas das coordenadorias distritais 1, 2 e 5 já receberam os modens. Segundo a gerente de Administração e Patrimônio da Seduc, Norinete Garcia Rego, na próxima semana, os equipamentos começam a ser distribuídos nos distritos 3, 4, 6 e 7. Na capital, cada escola recebe seis aparelhos. “Um modem é para o diretor utilizar nos trabalhos administrativos, e cinco são para os professores utilizarem em sala de aula, fazendo pesquisas coletivas, evitando que os alunos saiam da sala, por exemplo”, explica Norinete.

No interior, cada escola recebeu quatro modens. Os aparelhos foram distribuídos no dia 29 de janeiro aos coordenadores municipais de educação pelo secretário Rossieli Silva, durante reunião de trabalho na sede da Seduc. Somente as cidades com cobertura 3G da Oi puderam receber os equipamentos nesse momento.

Segundo Norinete, para atender os municípios que não são cobertos pela Oi, a Seduc planeja adquirir modens de outra operadora. A meta é que a secretaria compre mais 8 mil aparelhos. “A previsão é para comprar mais 8 mil modens, para a capital e o interior. O processo está em fase de formulação do projeto básico”, afirmou a gerente de administração e patrimônio da Seduc.

Os 25 municípios que receberam os modens foram Alvarães, Anori, Autazes, Benjamin Constant, Beruri, Borba, Careiro Castanho, Coari, Humaitá, Iranduba, Itacoatiara, Itapiranga, Juruá, Manacapuru, Manaquiri, Manicoré, Maués, Parintins, Presidente Figueiredo, Rio Preto da Eva, Silves, Tabatinga, Tefé, Uarini e Urucurituba. Um total de 202 unidades de ensino no interior foi contemplada com os equipamentos.

Atualmente, as escolas da rede pública estadual do Amazonas estão interligadas por meio do Sigeam. O sistema é responsável pelo gerenciamento em tempo real de informações de ordem administrativa de todas as unidades de ensino.

Com a implantação do Sigeam, o Governo do Estado modernizou o gerenciamento de informações que são geradas diariamente no âmbito escolar e trouxe economia de gastos e de tempo à administração pública. O sistema está disponível aos administradores escolares no link http://sigeam.prodam.am.gov.br 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.