Falta de concorrentes motivou a dispensa de licitação para a construção de três UBS

Manacapuru – A falta de concorrentes na licitação promovida pela Prefeitura de Manacapuru, para a construção de três Unidades Básicas de Saúde (UBS), teria motivado a dispensa de processo licitatório para a obra pelo prefeito Washington Régis. “Tinha um dinheiro vindo do Governo Federal, mas era pouco.

Licitei e ninguém compareceu. Tive que implorar para um empresário ficar com essas obras, sabendo, no entanto, que praticamente não vai ter lucro”, revelou o prefeito, num longo discurso transmitido pela rádio Palmeira FM.

A falta de licitação tem sido duramente criticada pela oposição. “Não dispensei por dispensar. Depois de licitar ninguém comprou edital, ninguém concorreu e, por isso, eu tive que dispensar. Essas coisas eu vou continuar fazendo, mesmo com a maldade humana de ainda quererem achar que estou dispensando para beneficiar alguém. Não tem beneficio. Isso aí é um pouco de um empresário que vai construir essas UBS’s. É uma ajuda ao povo de Manacapuru”, disse o prefeito.

Sobre o funcionamento do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus em Manacapuru, o Prosamim-Interior, quem falou foi o major Afrânio, um dos secretários municipais mais próximos de Régis. “A situação está assim – com a obra abandonada – por maldade de Ângelus Figueira, ex-prefeito de Manacapuru. É uma questão de honra do prefeito concluir essa obra”, disse.(Assessoria) 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.