Emprego no campo apresenta recuo no Pará

Belém – Pelo segundo mês consecutivo, o emprego formal no campo em todo o Pará apresentou recuo expressivo em janeiro de 2014, de acordo com as análises do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos do Pará (Dieese/PA), divulgadas nesta terça-feira (25).

Entretanto nos últimos 12 meses, no balanço entre admitidos e desligados, o setor da agropecuária no Estado apresenta crescimento na geração de empregos formais.

O balanço efetuado pelo Dieese/PA, sobre a flutuação dos postos de trabalhos na agropecuária no mês passado mostra queda na geração de empregos formais com um decréscimo de 0,18%, sendo que em dezembro do ano passado o setor também apresentou recuo. Foram feitas no Setor em todo o Pará, 2.695 admissões contra 2.799 desligamentos gerando um saldo negativo de 104 postos de trabalhos.

No mesmo período do ano passado (janeiro/2013), o setor da agropecuária também apresentou queda dos empregos formais, com um saldo negativo de 108 postos de trabalhos. No mês passado, maioria dos estados da região Norte apresentaram saldos positivos.

Mas o quadro muda quando comparado aos últimos 12 meses. De acordo com as análises do Dieese/PA, o setor apresentou saldo positivo na geração de empregos, com crescimento de 0,28% entre admitidos e desligados. Em toda a região Norte, o crescimento permanece, com exceção apenas do Estado do Amapá, que apresentou queda.

Fonte: DOL – Foto: Agência Pará

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.