Em Belém, ambulantes dizem que irão resistir à retirada

09-07cameloBelém, PA – Com a realocação prevista já para o dia 3 de agosto, os ambulantes instalados na rua João Alfredo, no Centro Comercial de Belém, continuam insatisfeitos com a possível ida para a o Shopping Popular construído na mesma via. A retirada dos trabalhadores da calçada já foi adiada em junho deste ano, quando os ambulantes promoveram um grande apitaço em protesto contra a medida.

De posse da pesquisa realizada pelos próprios trabalhadores com cada um dos que trabalham na João Alfredo, o papel com algumas assinaturas é a prova da insatisfação com o remanejamento previsto pela Prefeitura Municipal de Belém (PMB). “Eles falam que 95% do comércio aceitou essa realocação e não é isso”, garante o presidente da Comissão dos Ambulantes de Belém, Luiz Octávio Brito. “Fizemos uma pesquisa aqui indo de barraca em barraca e só oito pessoas querem ir pro shopping. De 139 pessoas que eles disseram que iam pra lá, só oito querem ir”.

Cientes do novo prazo estabelecido pela Prefeitura, os trabalhadores seguem firmes no propósito de não mudarem do local e prometem resistir à tentativa de retirada. Respaldados por outro documento registrado em cartório, os ambulantes afirmam que o acordo firmado ainda em 2012 não foi cumprido até hoje.

“Na João Alfredo tem 280 ambulantes e eles querem colocar só 139 pra dentro (do shopping popular). Em 2012 eles assinaram aqui que a proposta era de um shopping pra 272 pessoa, agora são só 139. Se toda a João Alfredo fosse lá pra dentro ia ser outra história”, reclamava. “Agora eles vêm aqui e ficam ameaçando a gente, dizendo que ou vamos lá pra dentro ou não vamos pra canto nenhum. Ninguém vai lá pra dentro, nós não vamos pra lá!”.

CONDIÇÕES

Além das reclamações sobre a quantidade de ambulantes que o prédio pode abrigar, os trabalhadores ainda destacam a ausência de estrutura física adequada no local. Segundo eles, parte do prédio já chegou a alagar depois de uma chuva forte que caiu nos últimos dias. “Esse prédio continua com problema, ninguém quer autorizar isso aí”, afirma Luiz Octávio. “Eram doze itens que disseram que ia ter. Uma lotérica, salão de beleza, banco e até agora só tem um caixa eletrônico lá. Vai acontecer o mesmo problema do Buraco da Palmeira que ta lá sem funcionar direito”.

Em nota, a Secretaria Municipal de Economia (Secon) informou que “o shopping popular da João Alfredo inaugura no dia 03 de agosto, ficando definido que dos ambulantes que ocupam hoje a Rua João Alfredo, 139 passarão a trabalhar dentro nas novas instalações do shopping, e o restante, em torno de 140 pessoas, ocuparão as transversais do centro comercial de Belém”.

Afirmando que o “trabalho de ordenamento é pacífico e conta com a ajuda dos próprios trabalhadores informais”, a secretaria informou ainda que de acordo com o último laudo técnico realizado pela Vigilância Sanitária neste mês “a estrutura está em perfeitas condições”.

Fonte: Diário do Pará

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.