Descalça, Dilma dá pontapé inicial e inaugura a Fonte Nova

Salvador, BA – Exatos dois anos e oito meses desde a implosão da antiga Fonte Nova, Salvador voltou a ver a bola rolar no gramado de seu mais tradicional estádio.

Nesta sexta-feira, em cerimônia recheada de políticos, a presidenta Dilma Rousseff deu o primeiro chute da arena, inaugurando oficialmente mais uma sede da Copa do Mundo.

A Arena Fonte Nova é a terceira a ser inaugurada para o Mundial ¬ até aqui, também já foram entregues o Castelão, em Fortaleza, e o Mineirão, em Belo Horizonte. No mês de junho, o estádio baiano será palco de três jogos da Copa das Confederações (Uruguai x Nigéria, Itália x Brasil e a disputa pelo terceiro lugar).

O estádio custou R$ 591,7 milhões e tem capacidade para 55 mil torcedores, com 5 mil assentos móveis. Do total de investimentos, R$ 323,6 milhões foram financiados pelo BNDES e R$ 268,1 milhões são recursos estaduais. Realizado por meio de parceria público-privada, a gestão será feita, nos próximos 35 anos, pelas empresas OAS e Odebrecht.

Do lado de fora da festa, cerca de 20 baianas, vendedoras de acarajé, realizaram uma manifestação pacífica em prol da liberação do comércio dentro do estádio e em seu entorno. De acordo com as normas da FIFA, dentro de um raio de 2 km das arenas da Copa do Mundo é proibido o comércio ambulante.

Dentro do estádio, participaram da inauguração, além de Dilma, o governador da Bahia, Jaques Wagner; o prefeito de Salvador, ACM Neto; os ministros do Esporte, Aldo Rebelo; do Transporte, César Borges; da Justiça, José Eduardo Cardoso; e representantes do Consórico Arena Fonte, responsáveis pela obra na arena baiana.
Visão panorâmica da nova Fonte Nova

Antes de seu discurso, assistido pelos operários da obra do estádio, Dilma recebeu uma flor de metal, feita por Lucimar de Freitas, primeira operária mulher na construção da Fonte Nova. Assistindo a toda cerimônia das arquibancadas estiveram representantes de movimentos sociais, operários e ex-jogadores, como Bobô.

No primeiro discurso da inauguração, o prefeito de Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto, também anunciou parceria feita com o governo do Estadual para que o projeto do metrô na capital baiana, finalmente, seja colocado nos trilhos, após, em 13 anos, apenas 50% das linhas previstas terem sido construídas.
A primeira partida da Fonte Nova acontece no próximo domingo com o clássico baiano entre Bahia e Vitória, no domingo, às 16h, em compromisso válido pelo Campeonato Baiano. Os ingressos para o duelo estão esgotados, porém, após confusão: na última semana, a Polícia Militar utilizou bombas e gás lacrimogêneo contra os torcedores na fila.

Fonte – ESPN

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.