Carrinhos deverão ter leitor de código de barras em Manaus

(Foto: Ilustração)

Os supermercados e hipermercados instalados na cidade de Manaus serão obrigados a ter acoplado aos carrinhos de compras, leitor de código de barras portátil. Isso é o que dispõe o Projeto de Lei de autoria do vereador Francisco da Jornada (PDT), em tramitação na Câmara Municipal de Manaus (CMM).

O PL foi encaminhado à Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) para análise e parecer.

O autor do projeto destaca que a sua propositura tem o intuito de dar mais segurança ao consumidor na hora das compras, considerando ser obrigação dos supermercados e hipermercados informar corretamente o preço dos produtos e suas especificações.

“Há um enorme contratempo para clientes/consumidores que visualizam um preço na gôndola e se deparam com outro na boca do caixa. Com o leitor de código de barras portátil acoplado ao carrinho, o consumidor fica seguro de que o preço que está pagando no produto adquirido é o mesmo estampado no anúncio da gôndola e assim não passará por dissabores, humilhações ou constrangimento quando chegar ao caixa” argumenta Jornada.

O vereador ressalta que muitos supermercados e hipermercados já utilizam o sistema dos leitores de código de barras portáteis, que acoplados a uma calculadora permite que o consumidor saiba antecipadamente se a compra que efetua está dentro dos padrões de seus recursos.

O projeto estabelece ainda que o Poder Executivo Municipal destinará a secretaria competente para fiscalizar e fazer cumprir a Lei e determina que o descumprimento da legislação acarretará multa de R$ 1 mil reais/dia por carrinho que não possua o leitor de código de barras, revogada a disponibilização do leitor de código de barras a cada quinze metros nos corredores dos estabelecimentos. As despesas decorrentes desta lei correrão por conta das dotações orçamentárias próprias suplementadas se necessárias.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.