Câmara dos Deputados inicia a votação fatiada da reforma política

Muita polêmica no início da votação da reforma política na Câmara
Muita polêmica no início da votação da reforma política na Câmara
Muita polêmica no início da votação da reforma política na Câmara

Brasilia – A votação da reforma política, iniciada na tarde desta terça-feira, começou pela discussão das opções de sistema eleitoral. As duas primeiras propostas foram, o sistema de lista fechada, no qual o eleitor vota em lista predeterminada pelo partido, e o sistema eleitoral distrital misto, em que o eleitor vota duas vezes — uma para candidatos no distrito e outra para a lista dos partidos —, foram rejeitadas. Em seguida, os parlamentares começaram a analisar o sistema conhecido como distritão.

Pelo acordo entre as lideranças partidárias, a discussão da reforma política será feita por tópicos. Com isso, o relatório da comissão especial criada para analisar a matéria foi derrubado pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB). A expectativa é de que a votação se alongue até quinta-feira.

O sistema eleitoral distrital misto é uma mistura do sistema proporcional e do majoritário. O eleitor vota duas vezes: uma para candidatos no distrito e outra para a lista dos partidos. A metade das vagas vai para os candidatos eleitos por maioria simples e a outra metade é preenchida conforme o quociente eleitoral pelos candidatos da lista.

Distritão

É diferente do chamado distritão, que foi sugerido inicialmente pelo vice-presidente da República, Michel Temer, e ganhou adeptos no Parlamento. Pelo modelo, deputados e vereadores são escolhidos pelo sistema majoritário, assim como já são os prefeitos, vice-prefeitos e governadores. Ou seja, são eleitos aqueles que receberem mais votos, independente da soma do partido.

Hoje, a escolha de deputados e vereadores se dá por eleição proporcional, que considera toda a votação dada nos candidatos da sigla ou da coligação, além do voto na legenda.

Amazonianarede-Zero Hora

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.