Blitzes do Detran-AM apreendem 65 veículos no fim de semana

Manaus – O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM) apreendeu 65 veículos, entre automóveis e motocicletas, da noite de sexta-feira (25 de abril) até a madrugada de sábado (27 de abril) em blitzes realizadas pela cidade.

O órgão autuou, ainda, 75 condutores, entre eles 15 por embriaguez ao volante, sendo que seis foram flagranteados em crime de trânsito por apresentarem teor alcoólico acima de 0,34 mg/l.

De acordo com o diretor-presidente do Detran-AM, Leonel Feitoza, mais de 600 motoristas foram abordados nas três barreiras de fiscalização, uma fixa e duas itinerantes, montadas durante a noite de sexta-feira e a madrugada de sábado. Além das autuações e veículos apreendidos, os agentes do órgão apreenderam Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH’s) e Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRVL’s), a maioria por validade vencida. As operações seguem determinação do governador Omar Aziz, visando reduzir as mortes no trânsito.

Leonel Feitoza informou que, entre os mais de 600 motoristas abordados, apenas o capitão do Exército Brasileiro, João Climaco Vieira, reagiu à abordagem ao desacatar os agentes de trânsito do Detran-AM, policiais da Polícia Civil e Militar e o delegado da Polícia Civil, Alexandre Moraes, que davam apoio às fiscalizações. O capitão teve embriaguez constatada pelo etilômetro (com teor de álcool de 0,65 mg/l) e foi conduzido ao 18º Distrito Integrado de Polícia, no bairro de Novo Israel, onde foi flagranteado por crime de trânsito.

De acordo com Leonel Feitoza, o comportamento do oficial do Exercito é uma exceção entre os motoristas flagrados dirigindo sob efeito de bebida alcoólica nas blitzes que o órgão estadual de trânsito realiza. Segundo o diretor-presidente do Detran-AM, são poucos os que reagem de forma desrespeitosa, pois a maioria das pessoas demonstra constrangimento por ter sido flagrada dirigindo embriagada.

Para o empresário Carlos Sidney, parado em uma blitz na avenida das Torres, não há duvida que a presença do Detran-AM nas ruas esta inibindo quem costumava beber e dirigir e, principalmente, está diminuindo o número de acidentes de trânsito, especialmente nos fins de semana. Para a advogada Andréa Lima, o Governo do Estado tomou uma decisão acertada quando, segundo ela, “botou o Detran nas ruas”. Na opinião da advogada, os motoristas, principalmente os mais jovens, dirigiam sem respeitar as leis, provocando acidentes e mortes. “Agora não tenho dúvida de que as coisas estão mudando pra melhor no trânsito de Manaus”, frisou.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.