Até junho de 2017, temporada de cruzeiros deve injetar R$ 45 milhões na economia de Manaus

A Temporada de Cruzeiros 2016/2017 inicia agora em novembro e segue até junho do ano que vem
A Temporada de Cruzeiros 2016/2017 inicia agora em novembro e segue até junho do ano que vem
A Temporada de Cruzeiros 2016/2017 inicia agora em novembro e segue até junho do ano que vem

MANAUS – Com previsão da chegada de mais de 24 mil turistas, no próximo dia 11 de novembro terá início a Temporada de Cruzeiros Marítimos 2016/2017 em Manaus. O total representa um crescimento de mais de 40% em relação à temporada anterior, segundo ados da pesquisa socioeconômica divulgada pela da Empresa Estadual de Turismo (Amazonastur) na sexta-feira (4).

Em coletiva de imprensa no Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR-AM), Aleixo, Zona Centro-Sul, a presidente dA Amazonastur, Oreni Braga, destacou que a temporada trará, em média, injeção de R$ 45 milhões na cidade. “Isso vai permitir o envolvimento de trabalhadores de mais de 20 seguimentos profissionais, entre guias de turismo, piloteiros, garçons e outros, sem falar na demanda que essas embarcações têm na própria cidade com a compra de combustíveis, água e etc.”, destacou.

Oreni reforçou, ainda, que o impacto é extremamente positivo para a cidade, levando em consideração que nesta temporada houve um aumento, tanto em número de navios quanto em número de turistas. “Fora esse considerável aumento, não estamos nem levando em consideração a tripulação, que também consome junto com esses turistas. Muitas vezes, essa tripulação gasta muito mais na cidade do que o próprio turista que está a passeio, que tem gasto médio de US$ 296 dólares”, frisou.

A presidente da Amazonastur destacou que, junto com o crescimento, houve mudanças no perfil do turista; antes em sua maioria de homens. “Há cinco anos, os visitantes eram 70% do sexo masculino. Hoje em dia é quase um para um, totalizando, em média, 51% homens e 49% mulheres. A maioria casal, com idades na faixa de 60 anos, aposentados.

Segurança dos turistas

Órgãos da esfera federal, estadual e municipal, integram o apoio à segurança dos turistas garantindo, assim, que o período de maior visitação na capital amazonense, transcorra de forma segura e tranquila.

De acordo com o secretário da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos, coronel Dan Câmara, a segurança ficará por conta, em média, de 330 servidores por dia, que deverão realizar atividades de acompanhamento e monitoramento, possibilitando a melhoria da operação ‘Temporada de Cruzeiros’ com a chegada de cada navio no porto da cidade.

“Vamos atuar, principalmente, em áreas entorno do Centro da cidade. Um mapa turístico da nossa região revela que os pontos mais visitados são os monumentos históricos da cidade, como o Teatro Amazonas, Mercado Municipal e a próprio porto fluvial. Com isso, iremos trabalhar com o espectro de segurança com dimensão de área terrestre e fluvial, com o intuito de atender todos as necessidades”, destacou.

Dan Câmara orienta que turistas tenham certo cuidado ao transportar objetos de alto valor durante passeios pela cidade, principalmente na região central, visto que é o local propício para tentativas de roubos e furtos. “A maneira como o turista apresenta esses objetos, como joias e celulares, ou o próprio manuseio de equipamentos de fotografia, como câmeras e filmadoras, impacta na fragilidade da segurança e, com isso, vamos concentrar os trabalhos nessas áreas para garantir a segurança dos visitantes”, afirmou.

amazônianarede-portalemtempo

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.