Árvores da Av. Jornalista Umberto Calderaro passam por manejo

Manaus, AM – Começou na manhã deste sábado, 12, o trabalho de manejo da arborização na avenida Jornalista Umberto Calderaro Filho, zona Centro-Sul. A operação contou com o apoio de duas equipes do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Transito (Manaustrans), responsáveis pela interdição de duas faixas (do lado direito e esquerdo) da via, para garantir o fluxo de veículos no local.

O trabalho começou por volta das 8h, com a estimativa de atingir 50% do total das 234 árvores existentes na via. No próximo sábado, 19, a ação será concluída.

O manejo foi executado pela Prefeitura de Manaus, por meio das secretarias municipais de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) e Limpeza Pública (Semulsp), e a empresa Control, terceirizada da Eletrobras Amazonas Energia.

O objetivo da operação é garantir a segurança e a melhoria da iluminação nas áreas onde as árvores estão em confronto com a rede elétrica, encobrindo as luminárias públicas de LED.

O chefe da Divisão de Corte e Poda da Semmas, Wellington Auzier, explica que a ação é importante para garantir a compatibilização das árvores com os demais equipamentos públicos da via.

Além de proporcionar a melhoria do estado fitossanitário dos indivíduos arbóreos com a retirada das ervas-de-passarinho, encontradas em grande quantidade nas mangueiras existentes na via.

“O trabalho começou  desde o início da Umberto Calderaro e se estenderá com equipes da Eletrobras e Semulsp até a altura do supermercado DB, voltado para a arborização do canteiro central.

Na próxima semana,  o trabalho será realizado nas demais árvores existentes nos passeios públicos”, destaca Auzier.

A engenheira ambiental da empresa Control, Helen Cavalcanti, explica que o acompanhamento do trabalho das equipes operacionais é fundamental para manter o equilíbrio das árvores.

“Não podemos cortar muito para não desestabilizar, por isso o trabalho deve ser minucioso e acompanhado pelas equipes da Prefeitura de Manaus”, afirma ela.

No total, a operação contou com 39 pessoas, sendo 14 homens da Semulsp, quatro da Semmas e quatro do Manaustrans e 17 da Eletrobras Amazonas Energia, entre engenheiros ambientais e técnicos em segurança do Trabalho.

Amazonianarede-Semcom

 

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.