Ano começa com reajuste salarial para PMs e Bombeiros

Amazonianarede – Aleam

Manaus – O líder do Partido da República (PR) na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM), deputado estadual Cabo Maciel, confirmou o aumento de 11,8% e o pagamento ainda na folha de janeiro para os policiais e bombeiros militares do Amazonas. O parlamentar reuniu nesta segunda-feira (7), na Secretaria de Estado de Administração (Sead), com a secretária Ligia Abrahim Fraxe para dar celeridade em alguns processos de militares que estão parados e aproveitou para tratar sobre o reajuste salarial dos profissionais da Segurança Pública.

Ligia Fraxe disse que no máximo, dentro de dois dias, a relação dos militares estará no sistema para ser encaminhado à Secretaria de Fazenda (Sefaz) para que esta efetue o pagamento ainda neste mês de janeiro, conforme cronograma da Sead.

Cabo Maciel destacou o compromisso assumido pelo governador Omar Aziz (PSD), que vem cumprindo fielmente os acordos firmados com os profissionais da Segurança Pública. “Essa luta começou no início de 2011 e foram 68 dias de muita negociação dos representantes das entidades de classe com o governo para que fosse aprovada a Lei que trata da projeção salarial dos militares até 2016”, disse o parlamentar.

Lei de carreira

A próxima luta do deputado Cabo Maciel – depois do recesso parlamentar de final de ano da ALEAM – será a aprovação da Lei de Carreira, que em dezembro passado recebeu parecer favorável do setor jurídico da Casa Civil. Agora, o passo seguinte será marcado por uma agenda com o governador Omar Aziz para apresentar sua proposta em favor dos policiais e bombeiros militares.

O parlamentar republicano lembra que são 175 anos de abandono, que ainda falta muita coisa a ser feito, mas em 2013 ele promete reforçar sua luta para buscar novas conquistas, principalmente para quem está trabalhando nas ruas da capital ou no interior do Estado.

Cabo Maciel tem se destacado no Parlamento Estadual como grande defensor dos profissionais da Segurança Pública, contrariando outros militares que assumiram a ALEAM e pouco fizeram pela categoria, conforme declararam alguns milicianos, principalmente os mais antigos, durante a festa de confraternização de final de ano.

Texto: Assessoria do deputado

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.