Agências dos Correios poderão ser implantadas em agrovilas e distritos do interior

(Amazonianarede – Assessoria)

Com o aumento das populações nos distritos, agrovilas e assentamentos no interior amazonense, fica mais latente a necessidade de implantação de agências dos Correios nessas localidades.

A questão foi discutida na Assembleia Legislativa do Estado pela Comissão de Assuntos Municipais, presidida pelo deputado Tony Medeiros. A reunião contou com a participação de representantes da Empresa Brasileira dos Correios e Telégrafos (BCT) e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Importância

A necessidade de instalação de agências dos Correios vai muito além do envio e recebimento de correspondências, disse Tony Medeiros. “No interior, os Correios também oferecem o serviço de banco postal, que é de grande importância para os moradores”, afirmou.

O serviço de banco postal é usado principalmente em comunidades e distritos que não possuem agências bancárias, permitindo aos moradores o recebimento de benefícios sociais, pagamento de contas e transferências de dinheiro.

A criação de agências de Correios nos distritos e agrovilas é um pedido antigo dos moradores, destacou Tony Medeiros. Para abrir um posto é necessário investimento aproximado de R$ 500 mil. “Por isso a parceria com prefeituras é fundamental para implantarmos as agências nas comunidades mais afastadas”, ressaltou o deputado.

A partir desta semana, a Comissão de Assuntos Municipais, em parceira com os Correios, IBGE, Universidade Federal do Amazonas e Associação Amazonense dos Municípios fará um estudo em todos os distritos e agrovilas do Estado.

O objetivo é detectar quais comunidades possuem serviço dos Correios e quais localidades podem receber novos postos.
O gerente de atendimento dos Correios, Carlos Alberto, explicou que a parceria com a Comissão de Assuntos Municipais facilitará a identificação de locais que possam receber novos postos do Banco Postal. “A parceria ajudará no contato com as prefeituras do interior, que podem viabilizar com mais rapidez a implantação das agências dos Correios e, como consequência, dos bancos postais”, afirmou.

O gerente de Geografia do IBGE, Argemiro Neto, também colocou o instituto à disposição para realizar estudos sobre a criação de municípios, bem como identificar áreas que possam receber agências dos Correios.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.