Ação tenta sustar o reajuste da passagem de ônibus em Manaus

Ação judicial tenta impedir o reajuste nas passagem de ônibjus na capital

Manaus, AM – A polêmica em torno do transporte coletivo na capita, continua e agora com mais um capítulo. Tutela de Urgência, tipo de ação judicial, foi ajuizada pela Defensoria Pública Especializada em Atendimentos de Interesses Coletivos (DPEAIC) contra o Estado e o município de Manaus, na noite dessa quarta-feira (22).A medida de urgência visa proibir o aumento da tarifa para R$ 3,80. O novo valor foi anunciado pelo prefeito Artur Virgílio na terça-feira (21).

Segundo informações da Procuradoria Geral do Município, a Prefeitura está aguardando a decisão da Justiça sobre este assunto. A reportagem aguarda posicionamento do Estado.

De acordo com a Defensoria,  os subsídios fornecidos pelo Estado e Prefeitura de Manaus são “fundamentais para que os usuários não sejam penalizados com os repasses dos custos –  advindos dos cortes destes incentivos – aos empresários do setor, por isso eles devem ser mantidos”, cita comunicado .

“Como estamos na véspera do carnaval e tendo em vista o período de feriados, a medida é emergencial, para que a população não arque com os custos, enquanto não se chega a um entendimento sobre a manutenção dos subsídios e, principalmente, enquanto as planilhas com os valores que o sistema de transporte público da cidade movimenta são expostas à sociedade”, disse o defensor Carlos Almeida Filho, por meio de assessoria de imprensa.

O prefeito de Manaus, Artur Virgílio, anunciou na tarde de terça-feira (21) que o valor da passagem de ônibus vai subir para R$ 3,80 na capital. A tarifa estudantil vai permanecer R$ 1,50. O anúncio foi feito um dia após o governador José Melo confirmar que vai manter a suspensão dos subsídios para empresas de transporte coletivo. Em janeiro deste ano, a prefeitura já havia elevado o valor da tarifa de ônibus de R$ 3 para R$ 3,30.

Amazonianarede-JAM

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.