Waldeci Silva faz aprimoramento em Cuba de olho nos jogos Rio 2016

Waldeci Silva

Waldeci Silva

Amazonianarede – Sejel

O amazonense Waldeci Silva, de 30 anos, já está em Cuba para uma temporada de aprimoramento técnico visando os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016. Titular da seleção brasileira de luta olímpica na categoria estilo livre até 60 kg, ele faz parte do Centro de Treinamento de Alto Rendimento da Amazônia (CTARA), o programa de excelência esportiva mantido pelo Governo do Amazonas, com execução da Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel).

“Meu objetivo nesse intercâmbio em Cuba é me atualizar, aprender novas técnicas e repassar tudo isso aos colegas do CTARA, que vem incentivando o aprimoramento dos atletas de luta olímpica”, enfatiza Waldeci Silva, que defendeu a seleção brasileira nos Jogos Pan-Americanos do Rio 2007.

De acordo com a Confederação Brasileira de Lutas Associadas (CBLA), Waldeci Silva integra um grupo de 38 atletas nacionais que competirão nos torneios Granma & Cerro Pelado, em Cuba, e Dan Kolov & Nikola Petrov, na Bulgária, entre os dias 14 e 17 de fevereiro.

PROJETO OUSADO

A participação nessas duas competições está dentro do cronograma da CBLA para o ciclo olímpico de 2016 e bate o recorde no número de atletas participantes: 38 no total (confira convocação oficial na lista abaixo).

“Pela primeira vez temos tantos atletas no exterior, isso demonstra o crescimento da luta olímpica e o maior investimento da CBLA em seus atletas. Somente com intercâmbio de qualidade teremos o nível elevado como desejamos”, avalia o superintendente da CBLA, Roberto Leitão.

Para a competição e treinamento na Bulgária, a CBLA levará o time A do estilo Livre feminino, mais os irmãos Antoine e Adrian Jaoude, este último, medalhista de prata na edição passada do Torneio Dan Kolov & Nikola Petrov.

“São dois torneios super importantes, nos quais a participação brasileira ja está virando tradição. Esperamos bons resultados, para que fiquem a altura do grande início de ciclo Olímpico que a Luta Olímpica brasileira vem tendo. Certamente os atletas chegarão preparados e motivados para grandes participações”, torce Pedro Gama Filho, Presidente da CBLA.

Confira as delegações que representarão o Brasil no cenário internacional da Luta Olímpica:

Torneio Granma & Cerro Pelado:
Árbitro – Renato Gottgtroy
Técnicos – Angel Aldama, Daniel Malvino e Felipe Macedo.
Atletas – Marat Garipov, Diego Romanelli, Rafael Messias, Angelo Moreira, Davi Albino, Wellington Oliveira, Rafael Salles, Arley Machado, Andre Feitosa, Giullia Penalber, Gracyene Alves, Beatriz Lina, Ronisson Brandão, Willian Naim, Rafael Jesus, Fabio Neves, Juan Isidoro, Wanderson Mendes, Ramilo Paz, Fernanda Peres, Graziela Conceição, Mayara Graciano, Daniela Brandão, Waldeci Silva, Keila Silva, Agnaldo Pereira, Kamila Barbosa e Luis Moreira.

Torneio Dan Kolov & Nikola Petrov
Técnico – Pedro García
Atletas – Susana Santos, Caroline Soares, Camila Tristão, Lais Oliveira, Joice Silva, Dailane Reis, Gilda Oliveira, Aline Ferreira, Adrian Jaoude e Antoine Jaoude. 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.