Waldeci Silva disputa o Pan Americano Sênior de Luta Olímpica, no Panamá

Manaus – O amazonense Waldeci Silva, beneficiário do Programa Bolsa-Atleta, da Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Desporto, Lazer e Juventude (Semdej), viaja na madrugada desta sexta-feira, 05, juntamente com a delegação brasileira, para disputar o Campeonato Pan Americano Sênior de Luta Olímpica, que começa amanhã e segue até domingo, 07, no Panamá.

Participando do principal evento da modalidade nas Américas, o amazonense defenderá a categoria livre, até 60kg.

Para o Campeonato Pan Americano foram escalados 18 lutadores de diversas regiões brasileiras. O desempenho nos treinos e os resultados do Campeonato Brasileiro deste ano foram fatores determinantes na escolha dos nomes. Para Waldeci, o intercâmbio de 30 dias com a seleção brasileira em Cuba e no Rio de Janeiro, em fevereiro, fez toda a diferença.

“Quando fui fazer o intercâmbio estavam dois atletas da categoria 60 quilos, um de Minas Gerais e outro do Rio de Janeiro. Devido ao meu desempenho e esforço, fui o escolhido para representar esta categoria no Pan. E claro, após esse intercâmbio me sinto mais confiante e preparado para esta competição”, considerou Waldeci, que já participou seis vezes do Pan Americano Sênior de Luta Olímpica e pretende este ano bater sua melhor colocação, terceiro lugar, conquistado no ano de 2006.

“Sei que posso levar o nome do nosso Estado para o lugar mais alto do pódio. Por isso, pretendo fazer muito melhor que em 2006, quando conquistei bronze, e bater todos os meus principais adversários, que são dos Estados Unidos, Cuba, Venezuela, Peru e Canadá”, enfatizou o hexacampeão brasileiro no estilo livre.

Balança

Para o Campeonato Pan Americano, Waldeci Silva teve que fazer as “pazes” com a balança e perder 10 quilos. Acostumado com 70 quilos fora das competições, o amazonense já conseguiu perder sete quilos nas últimas duas semanas e ainda enxugará três quilos nos próximos dois dias.

“Eu treino três vezes por dia, cerca de seis a oito horas, além da dieta rigorosa para perder peso e poder me encaixar na categoria. Já perdi 7 kg, mas os últimos três são os mais difíceis, e só consigo perdê-los por desidratação”, declarou o amazonense, ao falar sobre a importância do incentivo que recebe da Prefeitura de Manaus.

“Esse apoio que a Semdej e a Prefeitura de Manaus estão dando aos atletas é muito importante, já que esse estímulo nos dá mais confiança e fé para focar no esporte. E a forma que encontramos para agradecer, é trazendo cada vez mais medalhas para o Amazonas”, concluiu o lutador.

Confira a delegação brasileira:

Presidente – Pedro Gama Filho
Chefe de equipe – Beto Leitão
Médico – Jose Padilha
Árbitros – Eduardo Gonçalves e João Roberto Trindade
Técnicos – Angel Aldama, Pedro Garcia, Daniel Malvino e Felipe Macedo

Estilo greco romano

55 Kg – Rafael Salles
60 Kg – Diego Romanelli
66 Kg – Andre Feitosa
74 Kg – Angelo Moreira
84 Kg – Ronisson Brandão
96 Kg – Davi Albino
120 Kg – Antonio Henriques

Estilo livre masculino *

55 Kg – Wellington Silva
60 Kg – Waldeci Silva
66 Kg – Rafael Jesus
74 Kg – Allan Matos
96 Kg – Juan Izidoro
* Os lutadores das categorias 84 kg e 120 kg do estilo livre ainda não foram definidos.

Estilo livre feminino

48 Kg – Susana Almeida
51 Kg – Mayara Graciano
55 Kg – Canila Tristão
59 Kg – Joice Silva
63 Kg – Lais Oliveira
67 Kg – Gilda Oliveira
72 Kg – Aline Ferreira

FOTO: ANTONIO LIMA/ SEMDEJ
Texto – Nathália Silveira

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.