Vasco bate Coritiba e volta a vencer após 4 jogos

(Fonte: Terra)

A estrela do técnico Adilson Batista brilhou logo na estreia do treinador pelo Vasco da Gama, na noite deste sábado.

Com dois gols de Edimilson, aposta do novo técnico, que barrou o questionado André para a entrada do atacante, a equipe cruzmaltina bateu o Coritiba por 2 a 1 em Macaé, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, e voltou a vencer após quatro jogos no torneio nacional – tinha conseguido vitória contra o Goiás no período, mas pela Copa do Brasil.

Durante a semana de treinamentos, o treinador Adilson Batista teve pouco tempo para trabalhar com os atletas. Apesar disso, realizou uma mudança, que se tornou fundamental na noite deste sábado: tirou o criticado André, que chegou atrasado a um treinamento na quinta-feira e nem viajou a Macaé, para colocar Edmilson.

Com o reencontro com as vitórias, o Vasco sobe para 36 pontos, em 17º, e se iguala ao Fluminense, primeira equipe fora do Z-4, mas que entra em campo neste domingo – a equipe tricolor está na frente pelo saldo de gols. Já o Coritiba vê a ameaça da degola aumentar: fica com 40 pontos, em 13º. Na próxima rodada, os cariocas buscam nova vitória contra o Santos, no Maracanã, às 19h30 (de Brasília) do domingo, enquanto os paranaense visitam a Portuguesa em confronto direto, no mesmo horário, mas no sábado.

Em situação complicada no campeonato, o Vasco viu sua situação ficar ainda mais tensa aos 18min do duelo desta terça: o ídolo Juninho sentiu uma lesão e deixou o gramado para a entrada de Abuda. Mesmo com a má notícia, foi dos pés de Marlone, que substituiu o meia em cobranças de falta, que surgiu o primeiro gol do jogo. Aos 26min, o meia-atacante levantou falta na área e Edmílson concluiu para o gol de cabeça.

Superior em campo, o time cruzmaltino criava poucas oportunidades de gol, mas praticamente não tomava susto dos adversários – ao contrário do que tinha se tornado recorrente nos últimos jogos da equipe. De fato, a única chance do Coritiba veio apenas aos 45min: Julio Cesar cobrou falta e o criticado Alessandro fez grande defesa para evitar o empate.

Na volta para a etapa final, os donos da casa continuaram melhores, mas foi o time paranaense que assustou primeiro. Aos 14min, Vitor Júnior aproveitou sobra na área, saiu na cara do gol, mas Alessandro abafou o lance. No minuto seguinte, foi a vez de Fágner chutar cruzado para boa intervenção de Vanderlei.

A situação ficou melhor ainda para o Vasco no confronto aos 28min, quando Edmilson aumentou o placar. Aposta de Adilson Baptista para o duelo, o atacante completou na pequena área após grande jogada de Marlone para deixar os cariocas com ótima vantagem no duelo. O Coritiba ainda diminuiu com Luccas Claro aos 36min, mas não alcançou a igualdade fora de casa.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.