Tesouro emite R$ 2,05 bi em títulos para cobrir desconto da conta de luz

(Fonte: Reuters)

O valor anunciado nesta terça soma-se aos R$ 800 bilhões autorizados em agosto, também em favor da Conta de Desenvolvimento Energético.

O Tesouro Nacional autorizou, nesta terça-feira, mais uma emissão de títulos em favor da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), fundo setorial que cobre as despesas das distribuidoras com a energia produzida pelas usinas térmicas e tem sido usado pelo governo para cobrir os gastos com a redução da conta de luz.

Segundo portaria do Tesouro, publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira, foi autorizada a emissão de 2,59 milhões de títulos, no valor de 2,049 bilhões de reais. Esse montante é somado aos 800 milhões de reais em emissão de títulos realizada no início de agosto pelo Tesouro.

Inicialmente, o governo pretendia bancar os descontos – que serão em média de 18% – antecipando recebíveis da Usina Binacional de Itaipu até 2023, de acordo com a Medida Provisória 615, publicada em maio deste ano. Após críticas do mercado, que entendeu a operação como mais uma manobra fiscal adotada pelo Tesouro, o governo recuou da medida.

Junto ao corte orçamentário de 10 bilhões de reais, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou que os recursos para a CDE virão diretamente do Tesouro Nacional, desistindo dos créditos de Itaipu.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.