“Substituto” do Engenhão, Raulino de Oliveira, tem falhas e pode ser interditado

Amazonianarede – Ag. Estado
Rio – ‘Salvação’ dos clubes cariocas e da Ferj após a interdição do Engenhão, o estádio Raulino de Oliveira também poderá sofrer deste mesmo problema: a Secretaria Municipal de Planejamento apontou uma rachadura de seis metros em um dos setores da praça desportiva e pediu a sua interdição parcial.

Administrador do local, Roberto Carvalho Parente acredita que não há nenhum risco para o palco dos clássicos, das semifinais e das finais do Campeonato Carioca. “Temos um laudo que permite o funcionamento sem interdição. Estamos escutando opiniões, mas acredito que não há riscos disto”, disse.

No entanto, o documento da Secretaria pede “interdição imediata”. “Recomendamos, com urgência, interdição imediata do acesso N às arquibancadas. Bem como de um trecho de aproximadamente 20 metros para cada lado do citado acesso, proibindo-se ocupação”, lia-se no documento.

Ainda no laudo, com divulgação em janeiro, as falhas no Raulino de Oliveira têm formação endógena (de dentro para fora da construção) e apresentam risco “crítico”. A defesa do estádio em Volta Redonda, porém, garante que algumas melhorias já foram feitas, e que vistorias estão agendadas.

O clássico entre Botafogo e Vasco da Gama, marcado para o Raulino de Oliveira, na próxima quarta-feira, em horário ainda não definido pela Ferj, válido pela quarta rodada do Estadual, não deve estar ameaçado. 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.