Shooto Brasil em Manaus terá Ronys Torres e Geraldo Ferro

Manaus – Tradicional por acontecer no Sudeste e Centro-Oeste do País, o Shooto Brasil será realizado em Manaus, no dia 23 de junho, no Studio 5 (zona Sul), para aproximadamente 3 mil pessoas, com realização da Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Desporto, Lazer e Juventude (Semdej).

A notícia foi dada na manhã desta sexta-feira, 26, pelo vice-prefeito de Manaus, Hissa Abrahão, pelo secretário municipal de esporte, Fabrício Lima e pelo presidente do evento na América do Sul, Dedé Pederneiras. Também foi anunciado os nomes que vão compor a luta principal e disputar o cinturão dos leves (até 70kg): o amazonense Ronys Torres contra o goiano Geraldo Ferro.

Segundo o vice-prefeito Hissa Abrahão, a Prefeitura de Manaus vai dar todo o apoio para que a Cidade possa sediar cada vez mais grandes eventos esportivos. Mas, principalmente, que esses acontecimentos possam revelar atletas e mostrar as pessoas que estão por trás de um grande vencedor.

“A gente tem que conhecer quem está por trás de um grande campeão. Por isso, receber o Dedé Pederneiras aqui é uma honra. Nós, com toda certeza, não vamos medir esforços para este e mais eventos”, comentou Hissa.

“Graças a Deus nós estamos conseguindo realizar este evento através do Dedé e teremos a chance de mostrar a potência do Amazonas para o resto do Brasil. Hoje foi entregue ao Dedé alguns nomes amazonenses para montar os demais cards. Em breve, teremos todos os combates”, disse o secretário Fabrício Lima, ao citar alguns nomes que já foram sondados para os duelos, como Rodrigo Pinheiro, Dileno Lopes, Robert Pato, Naldo Faveloso, Michel Sassarito e Alexandre Capitão. Uma das grandes novidades acertadas para o evento em Manaus, num almoço na tarde desta sexta-feira, 26, com o prefeito Arthur Virgílio Neto, é a ornamentação do Shooto, que será voltada toda para o Festival de Parintins. A ideia, segundo Fabrício Lima, é homenagear o Boi Garantido e Caprichoso e mostrar a cultura do Amazonas para o mundo.

“A ideia de homenagear o boi foi amadurecida pelo Prefeito Arthur, que pensando em divulgar o Festival de Parintins, que será realizado na semana seguinte ao Shooto, propôs levar o clima de Parintins ao evento esportivo e o Dedé adorou”, comentou Lima.

Aldo e Barão

De acordo com Dedé Pederneiras, o Shooto Brasil em Manaus apresentará dez lutas e será transmitido ao vivo pelo Sport TV. O treinador, que revelou nomes como José Aldo, Marlon Sandro e Renan Barão, acredita que não haveria melhor “opção” que Ronnys Torres para o card principal. Além do amazonense nascido em Manacapuru garantir uma torcida fiel no dia do evento, o lutador também é sinônimo de show dentro do ringue.

“O Ronny já lutou algumas vezes pelo Shooto e nunca perdeu. Ao contrário, sempre apresentou uma luta espetacular e vai ter a chance de conquistar o cinturão dentro de casa e com torcida. Tenho certeza que com o Geraldo, que é um lutador duríssimo, o combate vai ser grandioso e bonito de se ver”, comentou Pederneiras, ao cogitar a possibilidade de trazer José Aldo ou Renan Barão para prestigiar o evento.

“Vou ver a possibilidade do Aldo vir prestigiar este evento, que será em sua casa, mas vamos avaliar pois a luta dele está em cima. Entretanto, o Renan Barão será convocado para vir e assistir de perto”, comentou o faixa-preta de Carlson Gracie.

Com tudo

Nascido em Manacapuru, a 84 quilômetros de Manaus, Ronnys Torres defende atualmente o MMA Champions League e é considerado um dos melhores lutadores de MMA do Brasil. Treinado por Dedé Pederneiras, o amazonense afirma que já está se preparando para enfrentar Geraldo Ferro e que não pretende perder a oportunidade de levar um cinturão.

“Estou muito honrado de fazer parte do card principal e aviso que já comecei meus treinos para o Shooto. Esta será a minha chance de levar um cinturão, lutado em casa, e não vou desperdiçar. Além disso, tenho certeza que este evento pode me proporcionar muita coisa boa, inclusive uma passagem para o UFC”, avaliou o lutador, que tem um cartel invejável de 26 vitórias em 31 combates. O amazonense já ganhou quatro edições do Shooto (01, 22, 25 e 33). Enquanto isso, Geraldo Ferro tem um cartel de cinco vitórias e nenhuma derrota e até agora conquistou duas edições do Shooto (24 e 32).

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.