Setor naval do AM espera bons negócios após feira

A 10ª edição da Navalshore Marintec South America – Feira e Conferência da Indústria Naval e Offshore encerrou nesta quinta-feira (15), no Rio de Janeiro, com saldo positivo para a comitiva amazonense que esteve presente no estande patrocinado pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA).

De acordo com o administrador e técnico da coordenação-geral de Promoção Comercial da SUFRAMA, Diego Forero, diversos empresários visitaram o espaço do Amazonas para conhecer as oportunidades de negócios na região, focando principalmente nas potencialidades do setor naval. “O estande foi bastante procurado por empresários estrangeiros, geralmente com interesse em conversar com os representantes de estaleiros sobre as oportunidades no polo naval amazonense, mas também recebemos empresários com interesse em participar da FIAM (Feira Internacional da Amazônia) e entender como funcionam os incentivos fiscais do modelo Zona Franca de Manaus (ZFM)”, afirmou.

Para o gerente comercial do Erin Estaleiros Rio Negro, Ivan Salmito, a participação na feira foi proveitosa e deve possibilitar novos negócios no curto prazo. “Estamos na expectativa de bons negócios depois dessa feira porque fizemos uma boa prospecção com relação a novos clientes apresentando o novo Erin, que mudou recentemente a gestão e a diretoria. Também fizemos importantes contatos com fornecedores, que deverão nos auxiliar no projeto de ampliação e reestruturação da empresa”, explicou. Segundo Salmito, o Erin é um estaleiro de médio para grande porte, com mais de 700 funcionários, que deverá dobrar a capacidade e a mão de obra empregada com os investimentos programados para os próximos três anos.

Palestra

No último dia da Navalshore, SUFRAMA e Secretaria de Planejamento do Amazonas (Seplan) apresentaram, no Navalshore Auditorium, a palestra “Políticas tributárias da Zona Franca de Manaus para empreendimentos industriais”. Ministrada pelo assessor técnico e analista de projetos industriais da SUFRAMA, Antônio Henriques, e pelo secretário executivo adjunto de Seplan, Appio Tolentino, a palestra teve como foco os incentivos fiscais do modelo Zona Franca de Manaus e de ICMS concedidos no Estado do Amazonas com ênfase para fabricação de embarcações.

Promoção comercial

A participação da Navalshore faz parte das ações de promoção comercial da SUFRAMA com o objetivo de divulgar o modelo Zona Franca de Manaus (ZFM), as potencialidades de investimentos da região e a Feira Internacional da Amazônia (FIAM), que este ano ocorre de 27 a 30 de novembro, no Studio 5 Centro de Convenções, em Manaus.

Além da autarquia, a comitiva amazonense foi formada pela Seplan, Serviço de Apoio a Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/AM), Sindicato das Indústrias da Construção Naval, Náutica, Offshore e Reparos do Amazonas (Sindnaval), Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Secretaria de Geodiversidade e Recursos Hídricos (SEMGRH), Companhia de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Ciama) e Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), além de representantes de estaleiros do Estado.

(Reportagem: Layana Rios)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.