Renan Barão defende cinturão contra Michael McDonald no UFC Londres

Renan Barão defende cinturão contra Michael McDonald

Renan Barão defende cinturão contra Michael McDonald

Amazonianarede – Lancenet

Londres,Ing – A relação de Renan Barão com o MMA começou cedo. Quando adolescente, seu pai precisou de um professor de boxe em sua academia em Natal (RN). Para ajudar, o lutador treinou a modalidade. Ali, o atleta descobriu o que gostaria de fazer pelo resto da vida. E neste sábado, no UFC Londres (com início às 15h de Brasília), Barão defenderá pela primeira vez o cinturão interino do peso galo contra o americano Michael McDonald.

No topo do esporte, o potiguar lembra do início na carreira. – Comecei muito novo a lutar. Meu pai é professor de boxe. Iniciei meus treinamentos para ajudá-lo na academia e fiquei lá até hoje. Foi lá que conheci o Jair Lourenço, meu treinador até hoje – disse o campeão, que detém o cinturão interino por não poder enfrentar Dominick Cruz, dono do título absoluto que enfrenta série de lesões.

Barão tem um cartel de deixar qualquer campeão com inveja. São 30 lutas sem saber o
que é uma derrota. E foi exatamente a única derrota que por pouco não abreviou a caminhada do brasileiro. Isso por que ele perdeu em sua estreia no MMA.

– Quando perdi minha primeira luta, pensei até em desistir do esporte. .Fiquei muito triste. Graças a Deus, tenho grandes amigos ao meu lado. Me disseram que na derrota, a pessoa só perde se não tirar nenhuma lição dela. Consegui dar a volta por cima e conquistar meu espaço – revelou Barão, que disse não sentir pressão com o recorde.

Sobre o desafio da noite de hoje, o campeão brasileiro se mostra confiante e consciente do que terá pela frente dentro do octógono.

– Meu adversário vai tentar manter a luta em pé. Essa é a principal arma dele. Ele é um cara duro e troca bem. É bem completo. Tem a mão direita pesada. Estou pronto. Será uma grande batalha – concluiu o lutador brasileiro.

Michael McDonal crê na força da mente

Apesar dos 22 anos, Michael McDonald vem sendo respeitado como gente grande no U.C. Com 15 vitórias e uma derrota no cartel, o americano desponta como grande promessa e, caso vença, pode se tornar o campeão mais jovem da história da organização.

Com uma conduta incomum, o lutador preza a parte mental e intelectual na hora da luta. Ao ser perguntado pela reportagem do Lnet! sobre qual a estratégia que ele acha que Barão usará na luta, o americano foi enfático.
– Eu não sei. E não acho que deveria saber. Não planejo uma luta. Estratégias nunca vão sair como você quer. É mais um detalhe nesse esporte. Acho que superdimensionam isso tudo. No final, são as minhas habilidades contra as dele. E minha maior força é a minha mente – declarou o desafiante pelo cinturão dos galos.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.