Programa de Residência Florestal é renovado no Acre

Amazonianarede – Sedens

Rio Branco, AC – A Secretaria de Desenvolvimento Florestal, da Indústria, do Comércio e dos Serviços Sustentáveis (Sedens) renova parceria com a Universidade Federal do Acre (UFAC) e garante a continuidade do Programa Residência Florestal (PRF).

Desta vez, surgiram 20 novas oportunidades para Engenheiros Florestais recém-formados fazerem residência florestal, com especialização em Gestão Florestal, pela Universidade Federal do Paraná e ainda vão ganhar uma bolsa no valor de R$ 1,5 mil, pelo período de um ano.

O convênio foi assinado entre o secretário da Sedens, Edvaldo Magalhães e o reitor Minoru Kinpara. Para Magalhães, o grande investimento que o Governo está fazendo na área florestal fez com que aumentasse a busca por profissionais especializados.

“Nos últimos dois anos o Governo do Estado tem investido bastante na área florestal. Temos milhares de famílias envolvidas com Planos de Manejo Comunitários, nossos parques industriais florestais estão prestes a entrar em funcionamento. O mercado precisa com urgência desses profissionais, e nós temos a obrigação de ajudá-los a se especializar, só assim, teremos mão-de-obra habilitada”, comentou.

A engenheira florestal Simony Hechenberger, foi bolsista da primeira turma do Programa de Residência. “Essa é uma oportunidade para o formando por em prática tudo que aprendeu na sala de aula. Passei um ano como residente na Cooperativa de Produtos Florestais (Cooperfloresta), e agora fui contratada como engenheira florestal, responsável pela cooperativa”, comemora.

O edital do PRF sai na próxima semana e estão sendo oferecidas 12 vagas para Cruzeiro do Sul e oito para Rio Branco.

O Programa surgiu em 2011, como uma modalidade de ensino de pós-graduação, na forma de curso de especialização e residência, voltado apenas para acadêmicos do curso de Engenharia Florestal.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.