Prof. Terezinha Ruiz defende construção de casas populares para profissionais da Educação

Amazonianarede – Assessoria

Manaus – A presidente da Comissão de Educação (Comed) da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereadora Professora Terezinha Ruiz (DEM) apresentou, junto à Mesa Diretora, Indicação para a construção de conjunto habitacional para os profissionais de Educação da Rede Municipal de Ensino por meio do Programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal, justificando a que a Caixa Econômica Federal já dispõe de recursos para a construção de casas populares. “Falta somente a Prefeitura de Manaus entrar com o projeto” disse.

De acordo com Terezinha Ruiz, o assunto já foi apresentado ao prefeito Arthur Neto (PSDB) na última sexta-feira (2), a qual considera importante que os funcionários públicos possam ter acesso ao beneficio descontado em contra-cheque. “Tenho certeza que o prefeito vai aprovar essa Indicação e espero que professores e pedagogos, assim como os profissionais que trabalham na área de Educação possam realizar o sonho da casa própria”, afirmou.

A vereadora disse ainda que Manaus possui hoje mais de 12 mil professores na sua Rede Municipal de Ensino e a maioria deles não possui casa própria, devido aos altos custos para aquisição de um imóvel.

Segundo ela, os salários ainda são incompatíveis com a importância da profissão para a sociedade. “É necessário que o poder público municipal atue no sentido de proporcionar esse benefício tão importante para o trabalhador”, acrescentou.

Programa Minha Casa Minha Vida

Hoje o programa Minha Casa Minha Vida já beneficia inúmeros municípios do País com conjuntos habitacionais para os seus professores. Um exemplo é a parceria da Prefeitura de Ponta Porã (MS) com o Governo Federal através da Caixa Econômica Federal, que construiu seu conjunto dos professores por meio do crédito associativo, o qual permite que o contemplado possa financiar desde a aquisição do terreno até o término da construção, pagando ao órgão financiador, no caso a Caixa, em prestações de baixo valor.

Vantagens

Uma das grandes vantagens do programa é que os custos da construção diminuem, já que a obra é feita por uma empresa e a própria prefeitura entra com a implantação da infraestrutura básica, como redes de água, luz e pavimentação asfáltica, além da aquisição do terreno facilitada com parte do valor subsidiado pelo município.

Fonte: Dircom/CMM 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.