Prefeitura faz operações na rota da passagem da Tocha Olímpica

Rota da Tocha, terá inspeção e desobstrução

 

Rota da Tocha, terá inspeção e desobstrução
Rota da Tocha, terá inspeção e desobstrução

Manaus, AM – Até a próxima sexta-feira, 17, a Prefeitura de Manaus realiza operação conjunta, com a participação de 13 secretarias municipais e estaduais, no trabalho de despoluição visual, desobstrução de calçadas e melhoria urbana geral na rota da Passagem da Tocha Olímpica.

Nesta terça-feira, 14, primeiro dia da ação, os trabalhos começaram pelo Centro Histórico, incluindo as áreas do Mercado Adolpho Lisboa, Feira da Banana e Manaus Moderna. Pela manhã, o Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb) aplicou duas notificações, uma por obra irregular na avenida Lourenço Braga e outra por calçada ocupada com material. Foram apreendidos dois gualhardertes.

“Estamos fazendo mais a conscientização com comerciantes, para deixar as calçadas livres e colocar seus produtos somente dentro das lojas. É um trabalho de rotina e que no dia da passagem da tocha vai permitir que as pessoas tenham a calçada livre para aproveitar esse momento”, explica a arquiteta Carolina Azevedo, da Gerência de Patrimônio Histórico (GPH).

Fiscais da Subsecretaria de Mercados e Feiras (Subsempab) realizaram ação educativa com ambulantes encontrados nas proximidades da Manaus Moderna, para que façam, voluntariamente, a retirada de barracas até sábado, dia 18, quando a equipe retornará ao local para verificar a limpeza.

“A ideia é trabalhar nessa limpeza visual e também urbana por onde a tocha olímpica vai passar, assim como localizar possíveis engenhos publicitários irregulares, instalados para fazer promoção com o símbolo da disputa esportiva. E ainda estamos agindo para combater o marketing de emboscada”, explica a chefe da Divisão de Controle (Dicon) do Implurb, Maria Aparecida Froz.

Engenhos publicitários

Também no foco da ação os engenhos publicitários no que diz respeito a proteção das marcas patrocinadoras do evento olímpico; e a retirada de faixas, banners, cavaletes e demais itens instalados em via pública e não regularizáveis, como em passarelas, postes, árvores, entre outros pontos, ao longo do trajeto do revezamento.

A retirada de material é rotina do órgão, mas foi intensificada para o trajeto da tocha, sendo Manaus cidade-olímpica. “Como todo grande espetáculo de proporção mundial, as Olimpíadas têm patrocinadores protegidos por legislação. Ao Implurb caberá fazer essa despoluição prévia de publicidade oportunista, assim como coibir o marketing de emboscada no dia da passagem”, explica Maria Aparecida.

Participam da operação o Gabinete de Gestão Integrada (GGIM), Guarda Municipal, Secretarias Municipais de Comunicação (Semcom), Infraestrutura (Seminf), Meio Ambiente (Semmas), Assistência Social (Semmashdh), Limpeza Pública (Semulsp), Centro (Subsemch), Mercados e Feiras (Subsempab), Visa Manaus, Polícia Militar, Ouvidoria e Procon.

A rota da tocha

Em Manaus, cidade do futebol dos Jogos Olímpicos Rio 2016, a tocha percorrerá mais de 39 quilômetros, indo do aeroporto ao Centro Histórico, passando ainda pelas zonas Leste e Oeste, e encerrando o dia com uma grande celebração no anfiteatro do Complexo  Turístico Ponta Negra, no próximo domingo, dia 19.

A chama será acesa às 9h, na avenida Santos Dumont, saída do Terminal de Cargas do Aeroporto Eduardo Gomes, onde será recebida pelo primeiro condutor – o aluno Guilherme Domanski. Ele conduzirá a tocha pelos primeiros 200 metros do revezamento montado em uma bicicleta, representando o modo alternativo de transporte.

Daí em diante segue o revezamento pelas avenidas Torquato Tapajós, Constantino Nery, com parada na Arena da Amazônia; o comboio segue pela avenida Constantino Nery até a Leonardo Malcher e, em seguida, para a rua Luiz Antony até o Paço da Liberdade, no Centro Histórico.

De lá, segue para o Mercado Adolpho Lisboa e depois para as avenidas Getúlio Vargas, Sete de Setembro e Eduardo Ribeiro até o Teatro Amazonas. A primeira etapa termina no Boulevard Álvaro Maia.

À tarde, o revezamento continua pelas avenidas Autaz Mirim e Itaúba, na zona Leste. E continua, no outro lado da ponte Rio Negro, indo em direção à avenida Brasil e, finalmente à avenida Coronel Teixeira, até chegar ao Complexo Turístico Ponta Negra, para a celebração.

Em todo o trajeto haverá intervenções no trânsito, como a interdição das vias por onde a tocha vai passar e restrição de estacionamento 18h antes das interdições. A Prefeitura de Manaus vai divulgar nos próximos dias, todas as intervenções e restrições, além de possíveis alterações no transporte coletivo.

Amazonianarede-Semcom

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.