Prefeito leva projetos a ministra do Planejamento e sai confiante na liberação dos recursos

Brasília – O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, e o vice-prefeito e secretário de Infraestrtura, Hissa Abrahão, se reuniram, na tarde desta quinta-feira, 13, com a ministra do Planejamento, Mirian Belchior, em Brasília.

Eles discutiram recursos para a Prefeitura investir em alguns projetos que foram apresentados à presidente Dilma Rousseff, no início de maio, que somam R$ 760 milhões.

O prefeito considerou a reunião como positiva e acredita que o processo para aprovação dos recursos avançou bastante. “Foi um encontro muito bom, técnico e com excelente participação dos secretários e dos técnicos do ministério. Estou muito esperançoso que desatamos alguns nós. Acredito que vamos conseguir emplacar nossos projetos”, disse o prefeito.

A ministra disse que os projetos têm viabilidade e podem ser aprovados em breve, resultando em obras e ações que vão melhorar a qualidade de vida dos habitantes de Manaus.

“O prefeito Arthur trouxe os projetos com maior detalhamento. Ele já havia apresentado à presidente Dilma e ela me pediu então que aprofundasse a discussão para entender as propostas para que nós possamos fazer uma avaliação de quais poderão ser atendidas dentro dessas prioridades”, declarou a ministra. O coordenador geral do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), Maurício Muniz, também participou da discussão.

Segundo Mirian Belchior, a presidente Dilma tem carinho especial pelo povo de Manaus e confirmou o compromisso de ajudar nas obras de melhoria da cidade. “A postura da presidente é de sempre buscar parceria com os governos dos Estados e com os prefeitos municipais. É muito forte na presidente o empenho para apoiar boas propostas. A população de Manaus pode confiar nesse compromisso”, disse a ministra.

“Sei que posso contar com a parceria do governo federal, assim como conto com a parceria do governo do Estado para trabalhar em prol dos moradores da capital do Estado”, declarou o prefeito.

Projetos

Os quatro projetos apresentados foram: infraestrutura para a mobilidade urbana, que contempla ampliação de vias, viadutos e passagens de nível, recuperação do sistema viário e transporte público, com valor aproximado de R$ 500 milhões; recuperação de pontos do Centro de Manaus, que estão incluídos no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) das Cidades Históricas, orçado em R$ 33 milhões; criação do parque da Cachoeira Alta do Tarumã que inclui, em sua primeira etapa, desapropriações, recuperação ambiental e construção de espaço para camping, quadras de esporte e pistas de caminhadas, com valor de R$ 80 milhões; e Gestão de Risco e Resposta a Desastres para a retirada de 1.451 famílias que hoje estão em áreas de risco da cidade e recuperação de encostas e áreas de igarapés, projeto que precisa de investimentos de R$ 150 milhões.

Além do prefeito, participaram da reunião o deputado federal Átila Lins e os secretários Bernardo Monteiro de Paula, da UGP da Copa, Kátia Schweickardt, da Semmas, Roberto Moita, do Implurb, Rafael Assayag, da Semex, além de outros técnicos da Prefeitura Municipal de Manaus.

(Semcom)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.