No peito e na raça! Fogão segura a pressão e vence o Corinthians em Manaus

11-10fogoManaus – Glorioso volta a vencer após quatro jogos, sai da lanterna, mas continua na zona de rebaixamento. Timão perde oportunidade de entrar no G4 e segue em quinto.

Diante dos resultados recentes, era difícil imaginar uma vitória do Botafogo, então lanterna, sobre o Corinthians, que brigava para entrar no G4. Mas, historicamente, o Glorioso gosta de aprontar algumas surpresas, para o bem ou para o mal. Na noite deste sábado, na Arena Amazônia, em Manaus, acabou sendo para o bem. O time de Vagner Mancini segurou a pressão intensa do Timão, jogou com um jogador a menos na etapa final precisou de milagres do goleiro Helton Leite para vencer por 1 a 0: gol de pênalti de Wallyson.

Com o resultado, o Bota sai da lanterna e assume a 17ª colocação, agora com 29 pontos, enquanto o Corinthians segue em quinto, com 46. As duas equipes voltam a campo pelo Brasileirão no próximo domingo, quando o Glorioso recebe o Sport, às 18h30, no Raulino de Oliveira, e o Timão visita o Internacional, às 16h, no Beira-Rio.

TIMÃO COMEÇA BEM, MAS BOTA É EFETIVO

Cotado como favorito antes de a bola rolar por conta da diferença entre as duas equipes na tabela, o Corinthians partiu para o ataque no início do jogo e empurrou o Botafogo para a defesa, tanto que quase marcou com Bruno Henrique, em uma bomba que estourou na trave de Helton Leite.

Mas a pressão corintiana não durou muito. Aos poucos, os cariocas começavam a gostar da partida e explorar os contra-ataques, já que jogou praticamente o tempo inteiro atrás da linha da bola. O trio ofensivo formado por Rogério, Wallyson e Yuri Mamute incomodava com a velocidade.

E a melhora do Botafogo teve resultado aos 29 minutos, quando Gabriel tentou cruzar na área e a bola bateu na mão de Fábio Santos. O árbitro Andre Luiz de Freitas Castro assinalou pênalti e, na cobrança, Wallyson abriu o placar. A retranca ficou maior após conseguir a vantagem.

BOLATTI É EXPULSO E CORINTHIANS PRESSIONA

Na volta para o segundo tempo, o técnico Mano Menezes colocou o atacante Malcom na vaga do volante Guilherme Andrade, em uma tentativa de ser mais eficiente no ataque, já que apesar de ter o controle, o Corinthians não era eficiente. Entretanto, seguia difícil furar a retranca carioca.

Apesar de se manter firme na defesa, o Botafogo não conseguiu ser efetivo nos contra-ataques, como aconteceu no primeiro tempo. Assim, os corintianos permaneciam quase o tempo inteiro no campo de ataque, mas praticamente não davam trabalho ao goleiro Helton Leite.

E o que era uma pressão, virou praticamente um jogo de ataque contra defesa quando o argentino Bolatti recebeu o terceiro cartão amarelo e foi expulso. A partir daí, só deu Corinthians, que teve oportunidade de marcar com Malcom e Gustavo Tocantins, mas não passaram por Helton Leite, que protagonizou alguns milagres no fim da partida em Manaus.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 1X0 CORINTHIANS

Local: Arena Amazônia, em Manaus (AM)
Data-hora: 11/10/2014 – 18h30
Árbitro: Andre Luiz de Freitas Castro (GO)
Auxiliares: Cristhian Passos Sorence (GO) e Bruno Raphael Pires (GO)
Público/renda: 19.989 pagantes / R$ R$ 1.782.790,00
Cartão amarelo: Bolatti, Rogério, Yuri Mamute (Botafogo); Fágner, Fábio Santos (Corinthians)
Cartão Vermelho: Bolatti, 26’/2T (Botafogo)

GOLS: Wallyson, 29’/1T (1-0)

BOTAFOGO: Helton Leite; Régis, Dankler, André Bahia e Junior Cesar; Rodrigo Souto, Gabriel e Bolatti; Rogério (Matheus Menezes, 42’/2T), Wallyson (Andreazzi, 27’/2T) e Yuri Mamute (Murilo, 18’/2T)- Técnico: Vagner Mancini.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner (Jadson, 23’/2T), Felipe, Anderson Martins e Fabio Santos; Guilherme Andrade (Malcom, intervalo), Bruno Henrique (Gustavo Tocantins, 38’/2T), Petros e Danilo; Luciano e Romero – Técnico: Mano Menezes.

Fonte: Lancenet

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.