Olimpia poderá ser punido por objetos atirados

A Unidade Disciplinar da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) anunciou nesta quinta-feira que pode punir o Olimpia por objetos atirados no gramado do Estádio Defensores del Chaco durante a primeira partida da final da Copa Libertadores.

Incidentes foram protagonizados na noite de quarta-feira, no decorrer da vitória por 2 a 0 do time paraguaio sobre o Atlético-MG.

“O procedimento disciplinar foi produzido devido ao lançamento de objetos (pedras e uma garrafa de refrigerante cheia) em um jogador do Atlético Mineiro quando este se preparava para cobrar um escanteio”, diz o comunicado publicado no site oficial da entidade. O atleta anunciado é o meia Ronaldinho.

O atleticano reclamou durante o primeiro tempo de objetos atirados, mostrando uma pedra ao árbitro, que recolheu outras peças atiradas no gramado do Estádio Defensores del Chaco. Os jogadores do Olimpia chegaram a intervir, pedindo para que os torcedores parassem com os arremessos. Ninguém foi atingido.

“O clube paraguaio se encontra no prazo para apresentar alegações em sua defesa. Posteriormente, o caso será enviado ao Tribunal Disciplinar da Conmebol para que se adote as medidas disciplinares que eventualmente se considere aplicáveis”, aponta o comunicado da entidade.

Olimpia e Atlético-MG voltam a se enfrentar na quarta-feira para definir o novo campeão continental. A partida está marcada para as 21h50 (de Brasília), no Mineirão, em Belo Horizonte. Para ficar com o título, o time brasileiro precisa de vitória por três gols de diferença.

(Terra) 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.