Meninas do Iranduba vencem Sport pelo BR feminino e mantém 100% em casa

Meninas do Iranduba vencem Sport pelo BR feminino e mantém 100% em casa

Para conseguir a liderança do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino, o Iranduba tinha uma missão difícil de golear por quatro gols de diferença o Sport, nesta quinta à noite, às 20h (21h de Brasília), na Arena da Amazônia, em Manaus.

Não deu, a equipe pernambucana deu trabalho e as amazonenses venceram por 1 a 0, com gol de Dany Helena, de pênalti, e ainda teve um penal defendido por Rubi. Mas, apesar de não conseguir a ponta, chegou à mesma pontuação do líder Corinthians e mantém 100% de aproveitamento em casa.

Com a vitória, além do bom aproveitamento em casa, o Iranduba chegou aos 21 pontos do Corinthinas que é líder do grupo 1 do Brasileiro feminino. A equipe amazonense fica em segundo por ter três gols a menos no saldo de gols.

Na próxima rodada, no dia 3 de maio, o time do Aamzonas enfrenta o Vitória-PE, fora de casa. Já o Sport pega, no mesmo dia, o Corinthians, na Ilha do Retiro.

 O jogo

Empurrado por mais de 1,5 mil pessoas, o Iranduba foi pra cima do rival. Apesar de ter time misto, o Hulk criou várias oportunidades, mas não conseguiu abrir o placar.

O primeiro lance de perigo ocorreu aos oito minutos. Após um escanteio cobrado, Dany Helena subiu mais que a zaga do Leão, mas cabeceou por cima do gol. O Hulk quase abre o placar aos 18. Mari lançou para Kelen, mas a zagueira Thamires tirou antes de a atacante do Iranduba receber, de frente para o gol.

O Hulk ainda teve outras duas boas oportunidades de marcar. Aos 21 minutos, Dany Helena roubou a bola, mas chutou por cima do gol. Aos 36, na jogada que talvez foi a melhor do primeiro tempo. Mari recebeu sozinho, mas parou na goleira Lorena. Time pernambucano seguiu sem conseguir furar a defesa do Hulk.

 Segundo tempo

A segunda etapa do jogo começou disputada. O Sport teve uma boa chance logo no primeiro minuto, com um chute que passou perto do gol de Rubi. Em seguida, o Iranduba teve uma sequência de escanteios, mas não conseguiram abrir o placar. O Sport passou a ter mais posse de bola no campo de ataque, mas sem muita efetividade.

O placar foi aberto aos 15 minutos. Após uma bela jogada de Mayara, que driblou duas jogadoras do Sport, foi derrubada por Thamires e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Dany Helena mandou forte na direita, a goleira foi na bola, mas não evitou o gol.

O Hulk chegou com perigo novamente aos 36 minutos, com Dany Helena que, de frente para a goleira adversária, ficou na defesa.

O Sport teve chance de empatar aos 44 minutos de jogo. Em um ataque do time, Monalisa derrubou Ary Borges na área e o árbitro marcou pênalti para o Leão. Na cobrança, Rubi fez uma defesaça na cobrança feita por Bruna e garantiu a vitória do Hulk da Amazônia.

Mais de 1,5 mil pessoas compareceram à Arena da Amazônia para ver o Hulk (Foto: Patrick Marques)

Amazonianarede-GE

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.