Medidas de redução de gastos têm permitido enfrentar crise econômica, diz José Melo em palestra na Sefaz

Gov. Jose Melo, em palestra na Sefaz, explica como o governo está enfrentando a crise
Gov. Jose Melo, em palestra na Sefaz, explica como o governo está enfrentando a crise
Gov. Jose Melo, em palestra na Sefaz, explica como o governo está enfrentando a crise

Amazonas – Em palestra ministrada durante a Sétima Semana do Auditor Fiscal, nesta segunda-feira, 21 de setembro, na sede da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), o governador José Melo ressaltou que o planejamento e as medidas que vêm sendo adotadas pelo Governo do Amazonas têm permitido enfrentar os graves efeitos da crise econômica nas finanças estaduais. No evento, ele recebeu do Sindicato dos Funcionários Fiscais do Amazonas (Sindifisco-AM) uma placa em homenagem pelos relevantes serviços prestados ao Estado do Amazonas.

Na palestra, o governador falou sobre a crise econômica que atinge o país, os efeitos na economia amazonense e como o Estado se organizou para enfrentar o momento econômico delicado. Acompanhado do presidente do Sindifisco, Libeman Moreno, do presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), Josué Neto, do secretário de Estado de Fazenda, Afonso Lobo, o governador, que é formado em economia, afirmou que a redução da estrutura da máquina administrativa é uma das principais medidas adotadas para que o Estado enfrente os impactos da crise nas finanças públicas. “Com medidas como a redução no número de secretarias, de cargos comissionados, redução no custo de contratos, nós conseguimos vencer esses primeiros meses de crise”.

O governador apresentou, ainda, indicadores da economia local com a crise, como a redução de 15,20% da atividade industrial, a retração no volume de vendas no comércio e a queda de 8,42% no faturamento do Polo Industrial de Manaus. Ele fez questão de ressaltar a importância dos auditores fiscais no trabalho da Sefaz-AM, principalmente no esforço do Governo do Estado em ampliar a arrecadação através de medidas pontuais.

“Nós queremos o envolvimento da categoria fiscal nas iniciativas que estamos buscando para maior eficiência na arrecadação, com um trabalho de combate à sonegação, intensificação na cobrança judicial e extrajudicial, controle de entrada e saída de mercadorias, além do empenho para o sucesso do programa Nota Fiscal Amazonense”.

Na solenidade promovida pelo Sindifisco-AM, também foram homenageados pelos serviços prestados ao Amazonas o procurador-geral do Estado, Clóvis Smith, o presidente da ALE-AM, Josué Neto, além de servidores aposentados da Secretaria de Fazenda.

Encontro com empresários

 Após a palestra na Sefaz-AM, o governador José Melo se reuniu com empresários da empresa de medicamentos fitoterápicos Herbarium, com sede em Curitiba, Paraná. De acordo com o diretor-presidente da empresa, Marcelo Giraldi, o objetivo é ampliar os investimentos da empresa em regiões como o Amazonas e a Zona Franca de Manaus.

O governador afirmou que o objetivo é diversificar o modelo econômico do Estado. “Nós temos interesse em incentivar um polo de fitoterápico e cosmético na região”, disse o José Melo, que ressaltou ainda que o Amazonas, por conta da sua biodiversidade, possui um enorme potencial para esse tipo de negócio e que o próximo passo é a elaboração do Projeto Produtivo Básico (PPB), para que a produção desse tipo de produto possa ser iniciada no Estado.

Amazonianarede

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.