Marin não vai se candidatar à eleição da CBF em 2014

O presidente da CBF e do Comitê Organizador Local da Copa-2014, José Maria Marin, disse nesta terça-feira que não será candidato na eleição à presidência da CBF no ano que vem. O dirigente, porém, não quis comentar quem vai indicar para o pleito:

– Sou candidato a trabalhar, mas não sou candidato na eleição. Nós temos que seguir o calendário. Temos prioridades, que é levar o Brasil à conquista da Copa do Mundo de 2014. Para isso, precisamos deixar a Granja pronta para receber a Seleção e pensar na nossa sede própria. Claro que há interesse pela continuidadee quando for a hora certa vou falar sobre isso. Não vou ficar omisso – disse Marin.

Assim, o dirigente encerra as especulações de que poderia se candidatar no próximo ano, passando por cima de um acordo costurado na saída de Ricardo Teixeira do comando da CBF em 2012. Marco Polo Del Nero, presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF) e vice-presidente da CBF é apontado como o sucessor natural de Marin, apesar de ambos negarem que haja algo definido. A eleição da entidade pode ser convocada a partir de abril do ano que vem, mas Marin disse que convocar o pleito antes da Copa do Mundo tampouco está definido.

– Posso garantir que essa data não está fechada. Ainda há muita coisa pela frente – disse o presidente da CBF, ao final do evento da inauguração da estátua de Zagallo em frente ao Engenhão.

As mudanças na regra de convocação da eleição para a CBF foram acertadas também antes da saída de Teixeira, na última assembleia que o ex-dirigente comandou, em fevereiro do ano passado. A alteração permite que a eleição seja convocada até um ano antes do encerramento do mandato, que é em abril de 2015.

(Fonte: Lancenet)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.