Emerson diz que zaga do Nacional está se entendendo

O zagueiro Emerson atuou em duas partidas com a camisa do Nacional. Na derrota para o Paragominas por 2 a 1, no Pará, e, na goleada de 5 a 2 sobre o Gênus (RO), em casa. Emerson comentou o entendimento com o companheiro Rafael Morisco, mas disse que o entrosamento acontece com todo o time.

“O zagueiro não joga somente com o colega ao lado. Tem os laterais, os volantes, os meias e os atacantes. Na parte defensiva estamos no caminho certo. Tivemos um ótimo primeiro tempo em Paragominas, mas tomamos dois gols. No jogo em Manaus, fomos muito bem, mas, novamente tomamos dois gols. Mas isso aconteceu quando tínhamos uma boa vantagem e é natural que tenha um relaxamento”, comentou o zagueiro.

O zagueiro também falou sobre o adversário deste sábado, o Plácido de Castro. Emerson diz que o treinador já passou alguns detalhes sobre a equipe acreana e sabe que o time joga com um atacante de referência, que escora bem as bolas para quem vem de trás.

“Nosso treinador estuda bem os adversários. Se tem uma boa jogada em algum setor vamos trabalhar para anular. Se o atacante é referência, não podemos deixar que ele iniciar as jogadas para os meias. Mas temos de tomar cuidado com o time do Plácido como um todo”, disse o zagueiro.

O zagueiro fez questão de salientar que na Série D se joga um futebol de resultado. Segundo ele, foi assim que o CRAC (GO) subiu para a Série C no ano passado, quando ele atuava pelo time do interior goiano.

(Reportagem: Carlos de Souza – NFC)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.