Em semana de Copom, mercado aposta em manutenção da Selic

Amazonianarede – JB

Brasília – Na semana em que o Comitê de Política Monetária (Copom) se reúne para definir a nova taxa básica de juros da economia brasileira, o mercado segue apostando que o colegiado vai manter a Selic no atual patamar de 7,25% ao ano, o menor nível da história do país.

Segundo previsões do boletim Focus, publicadas toda segunda-feira pelo Banco Central, analistas do mercado financeiro também mantêm a previsão de aumento da taxa básica de juros em um ponto percentual (para 8,25%) em 2013.

A Selic é usada como referência para as taxas cobradas pelos bancos de seus clientes, mas desde o ano passado o indicador serve para medir o rendimento da caderneta de poupança. Quando a Selic atinge o patamar de 8,5% ao ano ou menos, o investimento mais usado pelos brasileiros rende o equivalente a 70% da taxa básica de juros, acrescida da Taxa Referencial (TR).

PIB

Após a divulgação de que a economia brasileira cresceu apenas 0,9% em 2012, a menor alta desde 2009, o mercado reduziu ligeiramente a confiança em um desempenho melhor do Produto Interno Bruto (PIB, a soma de todas as riquezas produzidas no país) em 2013. A previsão anterior era de que a economia brasileira cresceria 3,1% no ano, estimativa que agora baixou para 3,09%. Autoridades do governo, no entanto, garantem alta superior a 4%.

Outras previsões

Para o mercado, haverá ligeiro aumento na inflação para este ano, já que a previsão para o indicador passou de 5,69% para 5,7% no acumulado de 2013. Para 2014, a expectativa é que o indicador fique em 5,5%.

Ambas as previsões estão fora do centro da meta perseguida pelo governo, que é de 4,5%, mas dentro do intervalo de tolerância, que vai de 2,5% a 6,5% ao ano.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.