Dilma passeou na garupa de moto de ex-ministro

(Amazonianarede – Folha de São Paulo)

A aventura de moto da presidente Dilma era um sonho antigo. Foi realizado com a cumplicidade de Carlos Gabas, secretário-executivo do Ministério da Previdência, pasta que ele já chefiou.

A Folha apurou que foi ele quem deu carona, na garupa, à presidente durante sua escapada sobre duas rodas, ocorrida no dia 4, primeiro domingo deste mês.

O jornal revelou ontem o passeio, segundo relato do ministro Edson Lobão (Minas e Energia), mas não estava certo se Dilma havia pilotado, o Planalto, que não comentou o episódio, só informou que ela não tem habilitação nem sabe guiar motos.

De acordo com relato de assessores, a presidente sempre comentava com seu auxiliar que um dia daria “umas voltas pela cidade” com ele em sua Harley-Davidson, uma das marcas mais cobiçadas do mercado. A petista chegou a tirar fotos sobre a moto de Gabas.

Sob a condição de anonimato, “porque a chefe não gostou nem um pouco que a história vazasse”, um assessor afirmou que jamais poderia imaginar que o desejo seria concretizado. “Parecia mais uma brincadeira dela.”

Gabas, um apaixonado por motocicletas, costuma pilotar sua Harley quando vai ao Palácio da Alvorada para reuniões de fim de semana na residência oficial da Presidência. Foi nela que a presidente passeou pelas ruas de Brasília. “Ela andou na garupa do Gabas”, disse o assessor.

O passeio foi durante a cerimônia da troca da bandeira na praça dos Três Poderes. Concentrados no local, os militares responsáveis pela segurança presidencial souberam do plano de Dilma e mandaram uma equipe segui-la à distância.

A Folha tentou falar com o secretário-executivo, sem sucesso. Motivo: está em férias, nos EUA, fazendo exatamente um roteiro típico de motoqueiros, percorrendo a rota 66. Ele postou uma foto sobre uma Harley na sua página no Facebook ontem.

A rodovia foi cenário do clássico da contracultura “Easy Rider”, de 1969, filme estrelado por Peter Fonda e Dennis Hopper.
Ontem, segundo assessores, Dilma, apesar de não ter gostado de que sua aventura tenha se tornado pública, riu ao ler o relato da história.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.