Diarista brilha no tatame do 6º Open Compensa de Jiu-Jítsu

Amazonianarede – Sejel

Manaus – Da arrumação das casas de família para o alto do pódio na “arte suave”. Esse é o enredo da vida da diarista Fernanda da Silva Piro, de 18 anos, umas das campeãs do 6º Open Compensa de Jiu-Jítsu, realizado neste fim de semana (16 e 17 de fevereiro), em Manaus. A competição, ocorrida na quadra da Escola Municipal Eliana Lúcia, na Avenida Brasil, Compensa, recebeu apoio do Governo do Amazonas, via Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel).

Com pouco mais de um ano de carreira, Fernanda começa a ganhar destaque entre as faixas brancas da modalidade. Ela mora no bairro Campos Sales, Zona Oeste, e integra a Academia Josildo Ramos. “Descobri o jiu-jítsu e me apaixonei pelo esporte de primeira. Com dedicação aos treinamentos, os resultados estão começando a aparecer, graças a Deus”, conta Fernanda, que concilia o esporte com o trabalho como diarista. “É uma rotina dura, mas é a vida”, resigna-se.

Neste domingo, 17, a diarista amazonense disputou a final da faixa branca pluma e “varreu” no tatame a adversária Aline Nascimento, de Boa Vista (RR). Ao término do combate vencido por pontos, Fernanda olhou para cima e agradeceu aos deuses do esporte por mais um título. “É a terceira vez seguida que ganho um campeonato, por isso tanta alegria”, encerra.

ENTENDA O CAMPEONATO

O 6º Open Compensa recebe a chancela da Federação de Jiu-Jítsu do Amazonas (FJJ-AM). O evento é organizado anualmente pelo professor Ricardo Guimarães, 39, líder da Instituição Unidos pela Amazônia (Iupam), localizada na Avenida São Pedro, 55, Compensa 2, Zona Oeste de Manaus. Aproximadamente 700 lutadores competiram nos dois dias do torneio.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.