CPI prende pessoas na calha do Juruá por crimes ambientais

operação faz  prisões no juruá por crimes ambientais
operação faz prisões no juruá por crimes ambientais

Amazonas – Operação realizada na calha do rio Juruá, o Comando de Policiamento do Interior (CPI), em conjunto com o 3º Batalhão de Policiamento Ostensivo e Preservação do Meio Ambiente (BPOPMA) realizam a operação “Rio Japurá” nas proximidades da comunidade São Pedro, às margens do rio que dá nome a operação.

Até o momento, oito pessoas foram presas. De acordo com o sargento Sebastião Cardoso da 3º BPOPMA, a operação está dando resultados. “Nós estamos fazendo a operação principalmente em busca de drogas e quelônios. Infelizmente não prendemos ninguém por tráfico de drogas até o presente momento”, disse.

Ainda segundo o sargento, somente no sábado (26), foram apreendidos 206 ovos de quelônios. Durante a operação seis pessoas foram detidas. Dentre elas, quatro por crime ambiental e duas por biopirataria.

A operação já contabiliza a apreensão de 5 motores aquáticos, 150 quelônios e 60 arraias tigre, as quais 41 estavam mortas e 19 foram soltas juntamente com os quelônios. A “Rio Japurá” começou na quarta-feira, (23) e encerrada na sexta, (29).

Amazonianarede-Rede Amazônica

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.