Comissão de Meio Ambiente da CMM firma parceria com Semmas para a elaboração de projetos

Manaus – O presidente da Comissão de Vigilância Permanente da Amazônia e Meio Ambiente da Câmara Municipal de Manaus (COMVIPAMA/CMM), vereador Everaldo Farias (PV), firmou nesta quinta-feira (16) parceria com a secretária municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), Kátia Helena Schweickardt, para a concepção e elaboração de projetos de leis e outras proposituras no Parlamento.

“Tivemos a ideia de procurar a secretária Kátia Helena por entendermos que é importante a harmonia entre os dois órgãos para elaboração de proposituras que atendam ao anseio da população e das demandas ambientais. Agora, o próximo passo é viabilizar as propostas”, completou o vereador.

Durante a reunião, Kátia Helena divulgou a realização da 3ª Conferência Municipal do Meio Ambiente, que este ano terá como tema ‘Resíduos Sólidos’. A Conferência será realizada nos dias 5, 6 e 7 de junho na Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

“A Conferência será um dos eventos mais importantes realizados pela Semmas, pois tratará de um dos principais problemas enfrentados hoje pelo município de Manaus, que é a questão do lixo, não apenas do ponto de vista do manejo, mas também em relação aos custos para ter uma cidade mais limpa”, explicou a secretária.
Para o vereador Everaldo, a Conferência será o momento para a sociedade compartilhar com o poder público o diagnóstico desses graves problemas em relação ao lixo, mas também será importante para mostrar a capacidade técnica dos órgãos e população de formular propostas para modificar a atual realidade.

“Desde já estamos unindo forças com a Semmas para que possamos atuar juntos na busca por soluções concretas no tratamento dos resíduos sólidos de Manaus,” disse o parlamentar.

Seminário

No encontro, Everaldo Farias propôs a titular da Semmas a realização de um seminário sobre Gestão Ambiental para os vereadores da CMM. “O seminário será uma oportunidade da equipe da Semmas detalhar quais são as competências do município, do Estado, da Federação em relação ao meio ambiente já que sabemos que a área ambiental funciona de modo sistêmico”, finalizou o parlamentar.

(Dircom – CMM) 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.