Combustíveis derivados de petróleo devem ter reajuste até o fim do ano

(Amazonianarede – Valor Econômico)

O Governo Federal já está debruçado sobre um estudo com vistas a determinar, até o final do ano, um reajuste para os combustíveis derivados de petróleo, mas o percentual ainda não foi anunciado, segundo afirma matéria publicada no jornal paulista Valor Econômico.

Uma fonte ligada ao Planalto disse ao jornal que a ideia original é “corrigir os preços dos dois combustíveis em 5%”.

Segundo a fonte citada pelo “Valor Econômico”, o aumento poderia ser anunciado em outubro, aproveitando a “estabilidade recente da taxa de câmbio, no patamar de R$ 2,20, e a uma ´certa folga´ no Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o índice oficial de inflação do país”.

O aumento nos preços é cobrado pela Petrobras, como forma de alinhar os preços internos de derivados de petróleo aos valores internacionais, cotados em dólar.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.