Cesta básica em Manaus registra queda de 4,48% em novembro

Amazonianarede

Manaus fechou o mês de novembro com a quarta cesta básica mais cara do país, segundo dados do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) divulgados nesta quarta (5). O valor somado dos produtos que compõem a cesta chegou a R$ 284,85, redução de 4,48% em relação a outubro deste ano.

Somente São Paulo (R$ 299,26), Vitória (R$ 295,31) e Porto Alegre (R$ 286,83) possuem valores maiores que o da capital amazonense. Em relação a outubro, Manaus recuou uma posição entre as cidades com a cesta básica mais cara do país.

Em Manaus, a farinha foi o produto que apresentou a maior alta em relação ao mês de outubro com crescimento de 10,20%, seguido do arroz (2,37%) e óleo (0,83%). O Dieese aponta como causa do aumento no preço da farinha a seca registrada no Nordeste, dificultando a produção do alimento.

Já o tomate registrou a maior diminuição no valor com queda de 10,32%. Outros seis produtos também tiveram queda no valor: banana (-9,53%), feijão (-7,86%), manteiga (-3,67%), carne (-2,18%), pão (-1,70%) e café (-0,71%). Segundo o Dieese, o pico da colheita da segunda parte da safra de inverno, aliada ao inicio da safra de verão, reduziu o preço do tomate em novembro.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.