Cesta básica de Manaus aumentou 3,77% e valor chega a R$ 343,78

Tomate, o primeiro vilão da Cesta Básica de maio
Tomate, o primeiro vilão da Cesta Básica de maio
Tomate, o primeiro vilão da Cesta Básica de maio

Mais uma vez o consumir manaura sai perdendo na compra de alimentos. Segundo pesquisa divulgada pelo Dieese, O preço da cesta básica na capital amazonense apresentou alta de 3,77% no mês de maio deste ano em comparação com o mesmo período do ano passado, segundo pesquisa do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), divulgada nesta terça-feira (9). O tomate foi o produto que apresentou a maior alta no mês.

No levantamento feito, o tomate, a banana e o arroz, foram os grandes vilões em mais este salto no preço da cesta básica em Manaus. O preço ficou em R$ 343,78. No mês anterior o conjunto de itens alimentícios essenciais custava R$ 331,28. Em maio de 2014 a cesta básica custou R$ 313,12.

Com o aumento do valor da cesta, Manaus passou a ocupar a 13° posição dentre as 18 capitais onde é realizada a Pesquisa da Cesta Básica de Alimentos.

A  banana vem em segundo lugar na lista dos vilões
A banana vem em segundo lugar na lista dos vilões

Na capital amazonense, oito produtos apresentaram alta e quatro tiveram queda nos seus preços. O tomate aumentou (10,95%) foi o produto que apresentou a maior alta no mês, seguido do arroz (9,07%), da manteiga (7,06%), da banana (5,92%), do açúcar (2,81%), do óleo (1,35%), do pão (1,21%) e da carne (0,56%).

O café (-1,36%) foi o produto que apresentou maior redução no mês seguido do leite (-1,33%), do feijão carioquinha (-1,14%) e da farinha (-0,79%).

Capitais

Em maio, o maior custo da cesta foi registrado em São Paulo (R$ 402,05), seguido do Rio de Janeiro (R$ 395,23), Florianópolis (R$ 394,29) e Vitória (R$ 387,92).

Os menores valores médios para os produtos básicos foram observados em Aracaju (R$ 277,16), João Pessoa (R$ 303,80) e Natal (R$ 312,41). Em 12 meses, entre junho de 2014 e maio último, as 18 cidades acumularam alta no preço da cesta.

O arroz, fecha o trio dos vilões
O arroz, fecha o trio dos vilões

Destacam-se as elevações registradas em Salvador (25,41%), Goiânia (16,94%) e Aracaju (14,66%). Os menores aumentos aconteceram em Belo Horizonte (3,12%) e Porto Alegre (5,07%). Nos cinco primeiros meses de 2015, todas as cidades acumularam altas que variaram entre 7,20%, em Manaus e 29,95%, em Salvador.

Amazonianarede-Dieese

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.