Cartão Postal

Praia para “Monges” – Ontem, durante uma reunião que discutiu soluções para a liberação da praia da Ponta Negra, um Cartão Postal de Manaus, alguém sugeriu a proibição da venda da famosa “loira gelada”, do chopp e de bebidas alcoólicas em geral. Não que estejamos fazendo apologia ao consumo de bebida alcoólica, mas é um pouco demais. Ora, as praias do Rio de Janeiro têm fama mundial pela beleza e pelo chopp no calçadão e ninguém fala em proibição. A saída não seria essa. A consciência dos frequentadores é que deve mandar no comportamento de cada um. Transformar a Ponta Negra em praia sem frequentadores não dá.

Sacanagem – Os usuários do transporte coletivo de Manaus estão denunciando a visível redução na quantidade de ônibus circulando na cidade. O cartel que impera há décadas no sistema, quer o reajuste no preço da passagem e para conseguir isto fazem qualquer sujeira. Tem gente que diz ter ficado mais de uma hora esperando a linha 611, ontem. Este cartel de empresários, que mais parecem um bando de abutres, só serviu para alimentar a corrupção e encher os próprios bolsos, prestando um serviço de péssima qualidade. Quem sofre são as pessoas que precisam do ônibus todos os dias. Sacanagem pura.

Não é só lá – Não foi só o TSE que pagou muitos benefícios a servidores e que acabou com a demissão do diretor geral. Aqui, diz um jornal, o TRE-AM também acompanhou a “farra” com a grana pública e fez pagamentos generosos à servidores, no mês de outubro do ano passado. Para se ter uma ideia, um servidor, técnico judiciário, que ganha R$ 6,8 mil por mês, recebeu de “vantagens eventuais”, mais R$ 21,1 mil. A cúpula do Tribunal, que é composta de pessoas sérias, garantiu que vai investigar.

Sem Agentes – Mesmo com nova direção, os agentes de trânsito continuam sumidos das ruas. E o que se vê são cenas como esta: o motorista do veículo de carga resolveu fazer manobra em plena Av. Djalma Batista, no sentido bairro-centro, as 10h da manhã de hoje. O trânsito travou na hora e os outros motoristas ficaram irritados com a atitude do cidadão. Mas como Manaus é a cidade onde cada um faz o quer, também no trânsito, ficou por isso mesmo. Que maravilha prá nós.

Sérgio Costa
Da Redação 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.