Arena da Amazônia começa a receber o gramado

(Foto: Divulgação)

Na tarde desta segunda-feira, 30 de setembro, começou a ser plantado o gramado na Arena da Amazônia. As mudas vieram de uma fazenda de São José dos Campos, em São Paulo.

A empresa responsável pelo plantio é a Greenleaf Gramados, que já instalou os gramados dos seis estádios que sediaram a Copa das Confederações (Maracanã, Mineirão, Arena Fonte Nova, Mané Garrincha, Arena Pernambuco e Castelão). As obras estão 84,03% executadas.

O coordenador da UGP COPA, Miguel Capobiango Neto, ressaltou a importância desta etapa da obra. “O gramado é uma das partes principais da Arena. É ele que confere à obra a maior identificação de um estádio de futebol. Literalmente é o palco onde o show vai acontecer”, disse, completando que o trabalho deverá seguir até quinta-feira, dia 4 de outubro.

A Arena Amazônia receberá a grama da espécie Bermuda 419, ideal para o clima quente da região amazônica, resistente a pisoteio e que tem certificação pela Universidade da Geórgia, nos Estados Unidos. Uma grama sintética fará o arremate decorativo no entorno do campo de futebol.

“O plantio da grama do estádio de Manaus será feito com mudas spriggs da mesma forma que fizemos no Mineirão, no Castelão e na Fonte Nova”, explicou um dos sócios da Greenleaf, Flavio Piquet.

O gramado de Manaus receberá um moderno sistema de irrigação computadorizado, com 35 aspersores que podem ser acionados individualmente, o que proporciona programar a irrigação de acordo com a necessidade de cada parte do gramado. De acordo com Piquet, o sistema de irrigação é semelhante aos dos outros seis estádios que a empresa instalou os gramados e que também serão palco da Copa de 2014.

Seguindo as recomendações da FIFA, o novo estádio receberá o sistema de drenagem a vácuo, que será implantado por técnicos da Greenleaf e por agrônomos da RoyalVerd, empresa espanhola responsável pelo gramado do Camp Nou, em Barcelona, e parceira da Greenleaf em todos os projetos brasileiros. A preocupação com a sustentabilidade ambiental também está presente no projeto, pois na irrigação do campo haverá aproveitamento de água da chuva.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.