Serviço ambulatorial da FCecon deverá ser ampliado

A elaboração de um projeto para construção de um prédio anexo à Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon) será estudado pelo Governo do Amazonas a partir de agora com o intuito de melhorar a estrutura do serviço ambulatorial prestado na unidade, segundo informou o vice-governador José Melo, que visitou a unidade hospitalar na noite desta quinta-feira, 8 de agosto, para conferir o atendimento das radioterapias no terceiro turno.

Em uma conversa com o diretor da fundação, Edson Andrade, o vice-governador identificou que a transferência do atendimento ambulatorial para um prédio anexo, além de ampliar a oferta de consultas e pequenos procedimentos do setor ambulatorial, vai promover mais conforto aos pacientes.

“O paciente com essa doença (câncer) merece o melhor tratamento possível, por isso também há cerca de três meses nós autorizamos a contratação de pessoal para realizar as sessões de radioterapia até meia-noite, assim, o paciente não precisa esperar em fila”, comentou Melo, acrescentando que a proposta de um prédio anexo segue a política de aumentar a oferta do atendimento ambulatorial com comodidade.

Melo frisou ainda que vai conversar com a Prefeitura de Manaus para tratar da viabilidade de construir o anexo ao lado do prédio atual. “Existe um código de postura que regulamenta essas construções, mas acredito que, em se tratando da importância da obra, nós teremos uma sinalização positiva”, frisou.

Para o diretor da FCecom, a obra deve reforçar ainda mais o status do hospital que é referencia no tratamento do câncer da Amazônia Ocidental. “A proposta do vice-governador vem num momento ideal para a Fundação, tendo em vista a crescente demanda de pacientes. Um prédio novo significa aliviar o fluxo de pessoas nos nossos 21 ambulatórios”, afirmou.

(Foto: Chico Batata – Agecom)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.