Seduc forma 1,7 mil estudantes no programa Projovem Urbano

(Foto – Divulgação)

Manaus – Nesta primeira quinzena de fevereiro 1,7 mil estudantes de dez municípios do Amazonas concluíram a formação do programa Projovem Urbano.

Coordenado regionalmente pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), o programa tem assegurado a formação básica em ensino fundamental para pessoas com idade entre 18 e 29 anos.

Iniciado no Amazonas em 2013 e com duração de 18 meses, em sua última edição o programa foi desenvolvido nos municípios de Autazes, Benjamin Constant, Coari, Iranduba, Itacoatiara, Maués, Manacapuru, Lábrea, Tabatinga e Tefé.Conforme a representante da Seduc e coordenadora regional do programa, Ruth Poinho, no espaço de 18 meses as aulas foram aplicadas diariamente nos dez municípios amazonenses no período noturno, entre 19h e 22h25.

“O Projovem é uma oportunidade singular para pessoas adultas que por algum motivo não conseguiram concluir os estudos na idade convencional. A formação desenvolvida por 112 educadores incluiu formação em educação básica na modalidade ensino fundamental incluindo reforço escolar aos alunos com dificuldade de aprendizagem”, explicou.

Professora Ruth Poinho destacou ainda que a formação incluiu noções de inclusão digital (computação básica) e curso de iniciação em Administração. “Formações estas com ênfase na realidade rural vivenciada pelos integrantes do programa”, citou.

Para estimular a participação o programa assegurou a cada um dos participantes uma bolsa-auxílio mensal de cem reais concedida pelo Governo Federal. “Além disso, para as mães (estudantes) que não tiveram onde deixar os seus filhos pequenos (de 0 a 8 anos) foram oferecidas nas escolas onde acompanhavam as aulas, salas de acolhimento, com equipe preparada para cuidar das crianças”, comentou Ruth Poinho.

Programa chegará a novos municípios – Conforme a Seduc, uma nova etapa do programa já está sendo planejada e deverá ser ampliada para novos municípios, dentre os quais: Nova Olinda do Norte, Eirunepé, São Paulo de Olivença, Santo Antônio do Içá, Humaitá e Fonte Boa.

O novo edital de inscrição será lançado pela Seduc no primeiro semestre de 2014.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.