Portugueses confirmam investimentos em Manaus e voo direto da TAP a partir de dezembro

(Amazonianarede – Semcom)

O prefeito Arthur Virgílio Neto participou de uma reunião com 40 investidores portugueses, nesta quarta-feira, 11, e conseguiu atrair prospecção de 20 bilhões de euros para investimento na cidade, além da garantia de um voo direto entre Manaus e Lisboa, a partir de dezembro deste ano.

A reunião contou com a participação de empresários, banqueiros, representantes de fundos de investimento, operadores de turismo e da rede hoteleira. Todos ficaram interessados em conhecer mais sobre as potencialidades da cidade e sobre os atrativos financeiros e econômicos de que podem se beneficiar ao trazer investimentos para a região.

Além de Arthur, estavam presentes o superintendente da Zona Franca de Manaus (Suframa), Thomaz Nogueira, a conselheira da embaixada brasileira, Daniela César, os secretários de Estado Oreni Braga (Turismo) e Airton Claudino (Planejamento), os secretários municipais Ulisses Tapajós (Finanças) e Bernardo Monteiro de Paula (Cultura, Turismo e Lazer, e Copa 2014).

“Hoje Manaus tem o segundo maior polo industrial do País, riquezas inesgotáveis para o turismo, é um centro de ligação com boa parte da América do Sul e com os Estados Unidos. Mas além de tudo isso, hoje Manaus é uma cidade com segurança financeira. As empresas que lá investem têm tranquilidade, pois sabem que a Prefeitura cumpre com suas responsabilidades”, declarou o prefeito Arthur Virgílio.

“Estamos passando por uma grande ação de melhoria da gestão e austeridade financeira na Prefeitura de Manaus, isso é base para qualquer investidor se sentir seguro e acreditar na nossa cidade”, completou o prefeito. As informações foram confirmadas pelo secretario de finanças, Ulisses Tapajós, que apresentou os dados do aumento de arrecadação e da desburocratização que está sendo implementada na Semef.

Segundo Thomaz Nogueira, a Zona Franca de Manaus é um grande polo irradiador de desenvolvimento para a região, arrecadando quase R$ 9 bilhões de impostos, dos quais boa parte é reinvestida na região para o fomento de novos negócios.

O operador de turismo Fernando dos Santos disse que há muito interesse na Europa pelo turismo na Amazônia e que Manaus está geograficamente melhor localizada para ser um polo de destino e ligação para os países da Europa. “Muitos operadores de cruzeiro querem chegar a Manaus e, com estas informações que foram apresentadas, devem prospectar novos investimentos locais. O voo direto também vai ajudar muito neste sentido”, declarou ele.

TAP

A garantia do voo direto entre Manaus e Lisboa foi dada pelo representante da empresa Transportes Aéreos de Portugal (TAP), Luiz Mor, ao prefeito Arthur Virgílio Neto, na noite da terça-feira, 10. Segundo Luiz, a empresa vai oferecer quatro voos semanais para o Norte do País. O estudo inicial prevê dois voos para Manaus e dois para Belém, já a partir de dezembro deste ano. “A empresa está em processo de privatização e vê no Norte do Brasil um grande destino turístico e executivo, por conta da Zona Franca de Manaus. Nossa intenção é já estar vendendo bilhetes no dia primeiro de dezembro, para aproveitar as festas de final do ano, disse o representante da TAP.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.